Em Londrina, professores e alunos protestam contra mudança no currículo das escolas; veja o vídeo

do G1 PR, com informações da RPC TV Londrina

Professores de escolas estaduais de Londrina, no norte do Paraná, protestaram na manhã desta segunda-feira (26) contra a mudança no currículo escolar que deve ser implantada a partir de 2013. Pela nova proposta da Secretaria de Estado da Educação (SEED), devem aumentar as aulas de matemática e português, enquanto as disciplinas de filosofia, sociologia, artes e educação física devem perder espaço.

Além dos professores, alunos também estiveram no protesto que criticou o que foi considerado como autoritarismo! da mudança. Eles reclamam que a proposta não foi suficientemente discutida com as escolas, e por isso elaboraram um abaixo-assinado para encaminhar à  SEED.

Outra critica foi direcionada à  perda de aulas que, segundo os professores, estimulam o pensamento crítico dos alunos. A profundidade do conhecimento da nossa disciplina e o caráter transversal que ela tem, assim como as disciplinas de sociologia e filosofia, foi reconhecida pela própria UEL no último exame – 50% da prova era atravessada pelas três áreas do saber!, justificou o professore de artes André Lopes.

A SEED, no entanto, nega que a mudança signifique qualquer prejuízo ao currículo escolar, além de garantir que o assunto é discutido pelo menos desde 2011. Estão disponíveis canais de consulta pública pela internet tanto para a população, quanto para as escolas, e sugestões podem ser enviadas por email para a SEED até o final desta segunda-feira (26).

Comentários encerrados.