22 de novembro de 2012
por esmael
15 Comentários

Dilma foi, mas não foi à  posse de Barbosa no STF

Discreta, a presidente Dilma Rousseff atendeu à  posse do novo presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, sem esboçar qualquer emoção. Acabou chamando atenção pela cara fechada, mais eloquente do que qualquer discurso

via Brasil 247

Quando o ministro Joaquim Barbosa foi ao Palácio do Planalto convidar a presidente Dilma Rousseff para sua cerimônia de posse na presidência do Supremo Tribunal Federal (STF), abriu-se a polêmica: diante do tratamento rígido que o relator da Ação Penal 470 reservou aos petistas envolvidos no processo, Dilma deveria ou não comparecer ao evento? Leia mais

22 de novembro de 2012
por esmael
12 Comentários

Joaquim Barbosa tropeça e cai pouco antes da posse; ouça o relato

Ministros do STF Lewandowski e Barbosa. Foto: André Dusek/AE.

via Gazeta do Povo/Rádio CBN.

A poucos minutos de assumir o cargo de presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa levou um tombo que o deixou no chão. O ministro conversava com o colega, Ricardo Lewandowski, que será seu vice, e a ex-ministra Ellen Grecie no Salão Branco, onde as autoridades estavam reunidas esperando o início da solenidade. Leia mais

22 de novembro de 2012
por esmael
8 Comentários

Para não coincidir com 2014, Aécio pede pressa no julgamento do mensalão tucano

Definitivamente, o senador Aécio Neves (PSDB-MG), pré-candidato à  presidência da República, não deseja que o julgamento do mensalão tucano, pelo Supremo Tribunal Federal (SFT), não se estenda muito. Ele teme que o assunto bata à  porta de 2014, durante as eleições.

O senador tucano classificou a decisão do ministro Joaquim Barbosa, presidente do STF, de dar celeridade aos depoimentos, como “muito adequada”.

Nesta semana, Barbosa deu prazo de 40 dias para a Justiça Federal de Minas Gerais ouvir testemunhas de defesa no processo, que corre no Supremo Tribunal Federal (STF).

“Muito adequado [acelerar os depoimentos]. Todas as denúncias que houver, elas não têm coloração partidária. Tem que ser analisadas, julgadas e eventualmente punidas com absoluta clareza e firmeza. Onde houver culpabilidade, o réu deve ser punido. Onde não houver, deve ser inocentado”, disse Aécio Neves, ao portal G1, antes da cerimônia de posse de Joaquim Barbosa na presidência do Supremo.

O mensalão tucano envolve o deputado federal mineiro Eduardo Azeredo, que em 1998 presidia o PSDB nacional. Ele é acusado de peculato, lavagem de dinheiro e de usar caixa 2 nas eleições daquele ano.

De acordo com denúncias, o esquema tucano envolvia repasse de dinheiro das estatais mineiras a uma agência de Marcos Valério. Isso bem antes do mensalão petista. A denúncia da Procuradoria Geral da República foi recebida em dezembro de 2009.

No processo do mensalão em julgamento no Supremo, que envolve réus do PT

22 de novembro de 2012
por esmael
Comentários desativados em Taxa de desemprego cai para 5,3% no Brasil; valor é menor para mês em 10 anos

Taxa de desemprego cai para 5,3% no Brasil; valor é menor para mês em 10 anos

da BBC Brasil

A taxa de desemprego no país caiu para 5,3% em outubro, atingindo o menor nível para o mês nos últimos dez anos, informou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta quinta-feira.

Em setembro, o número havia fechado em 5,4% e em outubro de 2011 a taxa foi de 5,8%.

A população desocupada permaneceu estável, totalizando 1,3 milhão de pessoas, tanto na comparação com setembro como em relação a outubro do ano passado.

A população ocupada subiu 0,9% frente a setembro, para 23,4 milhões de pessoas, registrando também alta de 3% na comparação com outubro de 2011, com a criação de 684 mil novos empregos.

22 de novembro de 2012
por esmael
12 Comentários

Fruet será a estrela em seminário promovido por petista nesta sexta

O prefeito eleito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), será a principal estrela, nesta sexta-feira (23), em um seminário destinado a prefeito eleitos, promovido pelo deputado federal André Vargas (PT). O encontro vai debater os projetos do governo federal destinados aos municípios.

Fruet deverá fazer a abertura do evento, à s 9 horas, no Hotel Bourbon, que terá como convidados representantes dos Ministérios da Saúde, da Educação, da Fundação Nacional de Saúde !“ Funasa, e da Caixa Econômica Federal.

Na mesa de abertura também estarão presentes, além de Fruet e Vargas, o presidente do PT do Paraná, deputado estadual Enio Verri (PT).

22 de novembro de 2012
por esmael
14 Comentários

A Copel está 70% parada, dizem grevistas

Sindicatos dizem que 70% dos trabalhadores pararam hoje em protesto.

Os sindicatos que representam os trabalhadores da Companhia Paranaense de Energia (Copel) dizem que 70% aderiram à  greve de 24 horas em advertência à  direção da empresa. Segundo eles, apenas 30% do contingente está a postos para garantir que não haja apagões e garantir a manutenção da rede de transmissão de energia. Leia mais

22 de novembro de 2012
por esmael
3 Comentários

Alunos do Colégio Estadual do Paraná boicotam prova de avaliação

O governo do Paraná realiza nesta quinta-feira (22) prova para avaliar 250 mil alunos de 2,1 mil escolas da rede pública. O Sistema de Avaliação da Educação Básica do Paraná (Saep), produzido pela Universidade Federal de Juiz de Fora (MG), custou R$ 8 milhões ao erário.

A prova está sendo aplicada aos estudantes do 9!º ano do Ensino Fundamental (antiga 8!ª série) e do 3!º ano do Ensino Médio e do último ano do ensino médio técnico e de formação de docentes. Eles vão responder 26 questões objetivas da disciplina de matemática e 26 questões de português.

Segundo reportagem da RPC TV (Globo), parte dos alunos do Colégio Estadual do Paraná (CEP), o maior do estado, depois de combinar pela internet, boicotou a prova aplicada pela Secretaria de Estado da Educação (SEED).

Na opinião de especialistas em educação ouvidos por este blogueiro, há uma clara tentativa de desqualificar o sistema de avaliação nacional. O próprio secretário da Educação e vice-governador Flávio Arns (PSDB), em entrevista à  RPC, criticou a Prova Brasil, que define o àndice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Segundo ele, a avalição do governo federal é muito demorada.

A gestão de Arns não convenceu no Ideb divulgado em agosto último, que despencou. Em 2009, o índice era de 3,9 e em 2011, já na gestão do tucano caiu para 3,7.

22 de novembro de 2012
por esmael
5 Comentários

Salário mínimo previsto para 2013 é de R$ 674,95

da Agência Brasil

O valor do salário mínimo previsto para entrar em vigor a partir de janeiro de 2013 será R$ 674,95, um ganho de R$ 4 em relação à  expectativa anunciada anteriormente de R$ 670,95. O reajuste se deve à  atualização dos parâmetros macroeconômicos enviados hoje (21) pelo Executivo para o Congresso.

Os cálculos do governo elevaram de 5% para 5,63% a previsão de inflação medida pelo àndice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) para 2012, um dos índices usados para o cálculo do reajuste do valor do mínimo.

O novo índice será usado na proposta orçamentária para 2013 em análise na Comissão Mista de Orçamento do Congresso. Pelos cálculos do Ministério do Planejamento, a elevação de 0,63 ponto percentual do INPC terá impacto de R$ 1,243 bilhão nos gastos com benefícios previdenciários e assistenciais vinculados ao salário mínimo, como aposentadorias e pensões do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), seguro-desemprego e abono salarial.

22 de novembro de 2012
por esmael
6 Comentários

Resultado da enquete: 67% querem Dilma na posse de Barbosa

Dilma Rousseff.

Os leitores deste blog acreditam ser importante a presença da presidenta Dilma Rousseff (PT), hoje, à s 15 horas, na posse do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa. Para 67%, ou 880 votantes, a petista tem que desconsiderar a condenação dos correligionários de partido — Zé Dirceu, José Genoino, Delúbio Soares, dentre outros — pela corte. Leia mais

22 de novembro de 2012
por esmael
38 Comentários

Trabalhadores da Copel param 24 horas em inédita greve de advertência

O governo Beto Richa (PSDB) vai fazendo história no Paraná. Depois de 23 anos, nesta quinta-feira (22) é a primeira vez que os funcionários da Companhia Paranaense de Energia (Copel) param em advertência contra a direção da empresa, cujo maior acionista é o estado.

Desde 1989 não ocorria uma greve na Copel. O jogo duro (ou seria cintura dura?) do comando da companhia conseguiu a proeza de unificar a pauta dos 15 sindicatos que representam os 9 mil trabalhadores da estatal.

A manifestação está ocorrendo neste momento em frente à  sede da empresa, na Rua Coronel Dulcídio, no bairro Batel, em Curitiba.