Por Esmael Morais

José Dirceu vira tema de campanha em Curitiba; veja o vídeo

Publicado em 21/10/2012

A campanha de Ratinho Junior (PSC), que disputa o segundo turno em Curitiba, veiculou propaganda no horário eleitoral, na noite deste domingo (21), tentando relacionar o ex-ministro José Dirceu ao adversário Gustavo Fruet (PDT).

Jose Dirceu, apontado pela Procuradoria Geral da República com chefe da quadrilha do mensalão e condenado pelo Supremo Tribunal Federal, por corrupção ativa, comemorou o resultado do Ibope que deu pequena vantagem para Gustavo Fruet. Segundo o próprio José Dirceu ontem em seu blog, “agora uma excelente notícia trazida pelo Ibope, a virada pelo candidato que apoiamos em Curitiba, Gustavo Fruet”. Depois dessa, sinceramente, você vai ainda continuar apoiando esse candidato?!, diz o comercial.

A propaganda de Ratinho Junior mostrou vários depoimentos com adjetivos pesados, tais como chefe do mensalão, corrupto número um, repudiando a presença! de José Dirceu na campanha de Fruet em Curitiba.

O blog apurou que setores da campanha gustavista atribuem a matéria publicada no blog de Dirceu a uma espécie de vingança! do ex-ministro contra Gustavo Fruet. O candidato do PDT, quando era deputado federal pelo PSDB, destacou-se justamente na CPI do Mensalão que desaguou na condenação de petistas e do próprio José Dirceu. O relator do julgamento do mensalão, ministro Joaquim Barbosa, na leitura de seu relatório, inclusive, citou o trabalho de Fruet na investigação em três oportunidades.

Nem o PT nem a campanha do pedetista se pronunciaram oficialmente sobre o comercial exibido por Ratinho e sobre a tese de vingança! de José Dirceu contra Fruet.

Essa guinada do candidato do PSC para um discurso mais conservador, anti-PT, vem causando desconforto ao aliado PCdoB. Especula-se que os comunistas podem deixar a coligação de Ratinho Junior, pois eles dizem que os pastores evangélicos tomaram conta da campanha e trouxeram à  baila temas religiosos como aborto e casamento gay.

Na luta contra a corrupção e para garantir a segurança em Curitiba!, Ratinho Junior anunciou a criação de uma supersecretaria! de Segurança, se eleito, que será ocupada pelo delegado da Polícia Federal licenciado e deputado federal Fernando Francischini (PEN), que praticamente tomou conta do programa eleitoral do candidato do PSC.

Francischini fora preterido da vice do prefeito Luciano Ducci (PSB), que não avançou para o segundo turno. Por ironia, agora o deputado virou o principal garoto-propaganda e “tábua da salvação” de Ratinho. O “futuro supersecretário” é homem de confiança do governador Beto Richa (PSDB).

Já o ex-candidato a vice de Ducci, deputado federal Rubens Bueno (PPS), está apoiando a candidatura de Fruet.