Por Esmael Morais

Fruet acusa Ratinho de divulgar pesquisa falsa nas redes sociais

Publicado em 21/10/2012

Há que se observar que a informação ali contida faz expressa menção de que se trata de pesquisa eleitoral, inclusive indicando o Instituto de Pesquisa Vox Populi como realizador do levantamento, bem assim a emissora Bandnews como entidade que teria contratado o estudo!, afirma o magistrado.

Note-se que em rápida consulta ao sítio do Tribunal Regional Eleitoral, se pode constatar que inexiste registro de pesquisa do Instituto Vox Populi para o segundo turno das eleições municipais de Curitiba, o que demonstra de maneira cabal a ilegalidade dos dados divulgados!, completa Wallbach.

Para o advogado da coligação Fruet, Gustavo Guedes, a estratégia de divulgar pesquisa falsa só demonstra o desespero do candidato Ratinho Júnior.

No primeiro turno, o candidato do PSC estava acostumado a aparecer em primeiro lugar nas pesquisas. Agora, no segundo turno, quando as sondagens o desfavorecem, apela para táticas rasteiras. A Justiça Eleitoral está atenta e não permitirá este tipo de abuso!, afirma Guedes.

Todas as pesquisas, de fato registradas, divulgadas até o momento apontam amplo favoritismo do candidato do PDT, Gustavo Fruet.

O Datafolha aponta vantagem de 16% para Fruet, o IRG Consultoria de 12% e o Ibope de 10%.

A pesquisa Datafolha está registrada no TRE-PR, sob o número PR-00679/2012.

A IRG sob o número 00681/2012.

O Ibope está registrado sob o número 00687/2012.