Fidel Castro teria sofrido derrame cerebral; Cuba nega

do Brasil 247

Notícia foi reportada pelo médico José Marquina, que foi um dos primeiros a noticiar o câncer de Hugo Chávez; figura emblemática do século XX, Fidel estaria entre a vida e a morte. Foto: BR247.

Fidel Castro, líder da revolução cubana e uma das figuras mais emblemáticas do século XX, teria sofrido um derrame cerebral. A notícia acaba de ser publicada pelo jornal The Miami Herald. Com a hemorragia, o líder cubano estaria em estado precário, com dificuldade para se alimentar e para reconhecer pessoas próximas.

A fonte da notícia é o médico José Marquina, um dos primeiros a reportar o câncer sofrido pelo presidente venezuelano Hugo Chávez. Ele sofreu uma embolia cerebral e já não reconhece mais ninguém!, disse o médico. Ele já não se alimenta e perdeu completamente a capacidade neurológica!.

Líder da revolução cubana, ocorrida em 1959, Fidel Castro se transformou em mito maior da esquerda global, ao lado do argentino Che Guevara, e influenciou gerações na América Latina e em todo o mundo.

O regime cubano, comandado por Raúl Castro, nega que Fidel tenha sofrido derrame e, ontem, publicou uma carta do ex-presidente no jornal Granma.

Comentários encerrados.