Em Ponta Grossa, 3!º mais votado diz que ficará neutro! no 2!º turno. Ou seria “acordo branco”?

Pauliki jura “independência”. Foto: :Christopher Eudes/JM News.

O empresário Marcio Pauliki (PDT), que foi o terceiro mais votado no primeiro turno na disputa pela prefeitura de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, anunciou ontem que ficará “neutro” neste segundo turno.

Pauliki passou a primeira etapa eleitoral “descascando” o deputado Marcelo Rangel (PPS), portanto, teria dificuldades para explicar um eventual apoio ao limpinho!.

Por outro lado, Péricles Mello (PT), adversário de Rangel neste segundo turno, esperava receber com naturalidade um apoio que não se confirmou. Por que não veio? Ora, diz a frente política pontagrossense, porque houve um “acordo branco” entre Pauliki e Rangel.

Também há a versão de que o empresário pedetista estaria de olho numa cadeira na Assembleia Legislativa do Paraná em 2014. Portanto, tanto Rangel quanto Péricles vencendo lhe abririam um naco importante de votos para daqui a dois anos. Por isso a neutralidade do moço.

1 Comentário

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Esmael

    Há uma outra versão: O valor pedido foi exorbitante!
    Não vale nem metade.