Em Londrina, PMDB segue PT e decide pela neutralidade no 2!º turno

por Amanda de Santa, via Jornal de Londrina

Deputado Cheida fica “neutro”.

O Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) decidiu, em reunião do diretório municipal na sexta-feira (15), pela neutralidade no segundo turno das eleições em Londrina. O partido seguiu a mesma decisão tomada pelo PDT e pelo PT.

Em entrevista por telefone ao JL nesta segunda-feira (15), o ex-candidato do partido Luiz Eduardo Cheida, quinto colocado no primeiro turno, disse que, mesmo não declarando apoio oficial para algum dos candidatos, os militantes estão liberados para participar das campanhas de Marcelo Belinati (PP) e de Alexandre Kireeff (PSD).

PT indica voto a Kireeff

O Partido dos Trabalhadores (PT) decidiu, na noite de quinta-feira (11), não declarar apoio à s candidaturas de Marcelo Belinati (PP) e Alexandre Kireeff (PSD) à  Prefeitura de Londrina.

Em entrevista por telefone ao JL na sexta-feira (12), o presidente do diretório municipal do partido, Onaur Ruano, disse que o PT é contrário ao retorno do belinatismo! e também ao voto branco ou nulo. A indicação aos filiados, portanto, é pelo voto a Kireeff.

PDT também optou por neutralidade

O diretório municipal do Partido Democrático Trabalhista (PDT) também decidiu pela neutralidade no apoio a candidatos que disputam o segundo turno.

Em entrevista na quinta-feira (11), a vice-presidente do partido, Dayane Medeiros, informou que, apesar de não haver apoio oficial aos candidatos Alexandre Kireeff (PSD) e Marcelo Belinati (PP), a militância vai ficar liberada para manifestar publicamente o apoio a qualquer candidato, desde que não utilize o nome do partido.

Em nota enviada pelo PDT, Barbosa Neto, quarto colocado no primeiro turno, disse que nenhum dos dois candidatos representa os ideários do trabalhismo. Eles representam projetos antagônicos aos nossos!, defendeu.

Comentários encerrados.