Ducci não consegue segurar na Justiça a “mãe” de todas as pesquisas

Compartilhe agora!

Luciano Ducci questiona pesquisa encomendada por Ratinho Junior.
A campanha de Ratinho Junior (PSC) comemora decisão judicial que liberou a pesquisa do instituto Datacenso, considerada a “mãe” de todas as pesquisas devido a número de entrevistados e baixa margem de erro. Segundo registro na 1!ª Zona Eleitoral, estão sendo ouvidos 5.035 eleitores sobre a disputa na capital. Os números serão divulgados nesta quarta-feira (3).

Segundo a tropa de Ratinho, a coligação de Luciano Ducci (PSB) tentou, de novo, sem sucesso, impugnar a pesquisa do Datacenso — também chamada pelos duccistas de DataRatinho.

Os coordenadores da campanha de Ducci enxergaram irregularidades nos questionários aplicados, pois, segundo eles, até o nome de Carlos Moraes (PRTB), que teve a candidatura indeferida pela Justiça, aparece nos formulários. Além disso, reclamam os partidários do prefeito, há erros nas faixas etárias pesquisadas.

Em outras oportunidades, a coligação de Ducci havia tentado barrar o DataRatinho. O instituto foi o único que se dispôs a ser auditado pela Justiça Eleitoral, conforme pedido dos advogados do candidato à  reeleição.

“Até agora, além de não divulgar nada sobre essa auditoria, ainda nem pagou para o instituto Datacenso o custo dessas cópias desses questionários”, critica a campanha do roedor.

A última pesquisa realizada pelo DataRatinho apontada Ratinho Junior com 36%, Ducci com 25%, Fruet com 15% e Greca com 9% das intenções de voto na estimulada.

Compartilhe agora!

Comments are closed.