Derrota nas urnas põem Arns e Meroujy na marca do pênalti

Flávio Arns e Meroujy Cavet, da SEED, ficaram na marca do pênalti.
Por linhas tortas, o Palácio Iguaçu deverá presentear! os professores paranaenses com a substituição dos titulares da Secretaria de Estado da Educação (SEED) na reforma do secretariado prevista para depois das eleições do segundo turno.

Os educadores consideram os atuais gestores da Educação os piores de toda a história do Paraná.

Um orelha seca! do blog, ligado ao governador Beto Richa (PSDB), informa que os palacianos identificaram corpo mole! de Flávio Arns (PSDB), vice-governador e secretário pro forma, e da superintendente e secretária de fato da pasta, Meroujy Cavet, na campanha pela reeleição do prefeito Luciano Ducci (PSB), que não conseguiu avançar para a segunda etapa eleitoral.

Tucanos de alta plumagem dizem que Arns e Meroujy afrouxaram o sutiã! na reta final da campanha, o que teria permitido o avanço do adversário Gustavo Fruet (PDT) na área educacional. Eles atribuem a não ida de Ducci para o segundo turno, por menos de 5 mil votos, à  falta de empenho dos gestores da SEED.

Independente do resultado deste segundo turno, uma ampla reforma no secretariado de Richa está prevista visando acomodar politicamente aliados e à s eleições de 2014, quando o governador buscará a reeleição.

O orelha seca! do blog, bem instalado em confortável poltrona no Palácio Iguaçu, acredita que a SEED serviu como bunker! gustavista durante o primeiro turno. Ou seja, a procura de culpados pela derrota de Ducci já começou e só termina na reforma do secretariado.

Comments are closed.