Deputado Ney Leprevost nega envolvimento com “Máfia do Pedágio”; ouça o áudio

Ney Leprevost (PSD).

O deputado estadual Ney Leprevost (PSD) conversou com o blog na manhã desta terça-feira (16). O parlamentar negou veementemente qualquer vínculo com a “Máfia do Pedágio”, como denunciou ontem (15) o seu colega de Assembleia Legislativa, Cleiton Kielse (PEN), divulgado aqui em primeira mão.

Leprevost confirmou recebimento de contribuição na campanha de 2010, mas assegura que foi tudo dentro da lei e antes da tentativa de instalação da CPI do Pedágio. Ele aproveitou para espinafrar o acusador, Kielse, a quem atribuí a criação de “factoides” políticos.

Ele disse que Kielse sofre um processo na Comissão de à‰tica e adiantou que vai representá-lo na Justiça, além de pedir a cassação de seu mandato de deputado.

Sobre a disputa em Curitiba, Leprevost confirmou que o PSD ficará neutro.

Ouça o áudio:
[audio:https://www.esmaelmorais.com.br/wp-content/uploads/2012/10/ney_pedagio.mp3]
Clique aqui para fazer o download do áudio.

9 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Mas como tem gente ignorante. Não é por causa de pedágio que os Almeida contribuíram com a campanha do Leprevost. Vocês já esqueceram que a dobrada dele foi com o Marcelo Almeida?
    O Ayrton Cordeiro explicou bem na CBN , se foi declarado no TRE , não há ilegalidade.

  2. O Ney Leprevost é o deputado mais corajoso da Assembléia Legislativa. Em anos de trabalho no legislativo, nunca tinha visto ninguém enfrentar os Kielse.

  3. CAIU MÁSCARA DO NEY, O QUE DEVERIA ACONTECER HÁ MUITO TEMPO. ESTE É LOBO EM PELE DE CORDEIRO DESDE LONGA DATA.

  4. Porque aceitar dinheiro do setor de pedágios que rouba o cidadão paranaense há anos? É uma caixa preta que foi bandeira do Requião que dizia que ia acabar. Depois veio o Richa com esta bandeira e disse que ia resolver. Alguém pensa que os pedágios ficariam assim por anos a fio sem que alguém não estivesse levando algum? Ninguém consegue tornar público os contratos dos pedágios e tornar público os resultados do pedágio porque tudo para na câmara de deputados que bloqueiam o assunto. Alguém duvida?

  5. Ney = Limpinho … rsrrsrsrsrsr

  6. Que peninha dele, estás pessoas malvadas. Quando um deputado faria isso, nossa Assembleia não há maracutaias.

  7. caiu a casa ney

  8. Se o nobre deputado é tão ético como da a entender,porque aceitar doação de um segmento que todo mundo sabe, achaca o cidadão?

  9. Esmael, pergunta pra esse santo do pau oco como se faz pra que um amigo lhe doe um milhão pra uma campanha política? Será que é só amizade? Aonde encontro um amigo desses que tenha um milhão pra jogar fora sem nenhum interesse?