Clima esquenta no penúltimo debate na televisão

por Amanda Kasecker, via Bem Paraná

O terceiro debate entre os candidatos à  Prefeitura de Curitiba na RIC: cheio de ataques. (foto: Franklin de Freitas)

A cinco dias da eleição, o terceiro debate entre os candidatos à  Prefeitura de Curitiba, que aconteceu ontem na RIC, foi marcado por ataques. Participaram Luciano Ducci (PSB), Ratinho Junior (PSC), Gustavo Fruet (PDT), Rafael Greca (PMDB) e Bruno Meirinho (PSol). O formato do programa cheio de confrontos diretos favoreceu a troca de farpas e críticas. Nenhum dos candidatos saiu ileso.

Com um primeiro bloco bastante longo, com cerca de uma hora de duração, os cinco participantes foram sabatinados pela mediadora, a jornalista Joice Hasselman, e por dois outros candidatos. Foram vários momentos de exaltação.

O primeiro sabatinado, Rafael Greca (PMDB) logo mostrou como ia ser o ritmo. Em sua primeira resposta, criticou a ponte estaiada e o atual projeto do metrô. Ducci, candidato sorteado para sabatiná-lo, questionou a irresponsabilidade de Greca em dizer que a obra era superfaturada. Com R$ 95 milhões eu faria dez viadutos!, respondeu o candidato do PMDB, que ainda cobrou o prefeito para tapar buracos no viaduto do Xaxim.

Na seqà¼ência, Greca criticou a gestão na área da saúde e chamou Luciano Ducci de médico agropecuário!. Greca também criticou Ratinho Junior falando que seu projeto para a saúde de colocar ônibus com especialistas é uma coisa horrorosa!.

O segundo sabatinado, Bruno Meirinho, se concentrou em propostas e citou constantement a desigualdade de Curitiba e a privatização de serviços, suas principais críticas à  atual gestão.

De volta ao centro do debate, Luciano Ducci foi sabatinado e voltou a ser criticado pelos adversários. Questionado pela apresentadora, ele assumiu problemas na saúde. Claro que enfrentamos problemas na saúde. Resolvemos totalmente? à‰ claro que não!, declarou.

Um segundo ponto polêmico foi levantado por Ratinho Junior, que sugeriu que o prefeito não sabia o real déficit das vagas em creches. Eu sei muito bem quantas vagas estão faltando. Entendo muito bem de gestão pública. Sei do orçamento, sei quanto custa fazer cada creche, sei quantos funcionários. Minhas propostas não são irreais!, defendeu-se Ducci.

Gustavo Fruet, em suas respostas, citou o governo federal, a presidente Dilma Rousseff e falou em diversas parcerias. Agressivo, Fruet ainda atacou Greca e Ducci, os dois adversários que o sabatinaram. Eu não entrei nessa campanha por pegadinha. Não entrei para tentar acertar o erro do adversário. Neste momento está em jogo quem tem capacidade de liderar. Quem já teve oportunidade deve reconhecer que já passou sua época!, disse Fruet a Greca.

Contra Ducci, o discurso foi parecido. Ao ouvir a tréplica do prefeito em que ele disse que vai tirar todas as famílias da beira do rio, Fruet disparou: Esta é uma diferença entre nós na eleição. Você já teve a oportunidade. O senhor criou a Secretaria de Habitação e poderia ter destinado recurso!, acusou.

Ainda no primeiro bloco, Ratinho Junior fechou a parte dos questionamentos entre candidatos. Novamente o candidato do PSC voltou a falar das filas nas creches e chegou a trocar ofensas com Gustavo Fruet, ex-colega na Câmara Federal.

O candidato do PDT abriu o fogo falando que voltou de Brasília sem concessão de rádio, sem cargos, ao contrário de você e seu pai!, disse Fruet. Talvez esse seu destempero e agressividade seja causado pelas pesquisas que o colocam quase em quarto lugar. Tenho feito política limpa com propostas transparentes e aliás, quem tem feito uma campanha suja, por trás dos panos, na calada da noite, são outros candidatos!, sugeriu Ratinho por sua vez.

21 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Fruet olhava para o Little Mouse com ódio. Isso não é bom.

  2. Debate da RIC
    Sou Fruet, mas vou me ater ao que vi apenas… Ao contrário do debate anterior, não darei notas, mas apenas uma referência! Faltou o Carlos Moraes…. pena!

    GRECA – ALÔ CRIANÇADA, O GRECA CHEGOU!
    Estava preocupado em mostrar que sabia os nomes das ruas e dos rios, mas atacou Ducci com um radouken sobre as mortes recentes e a saúde de Curitiba. Tentou fazer um Procel com Fruet (levou invertida) e olhava com carinho para o Ratinho. Tempo não é com ele mesmo… todas as vezes teve seu microfone cortado!

    DUCCI – POR QUE ME ODEIAM TANTO?
    Nervoso pelos ataques, ga-ga-gaguejava direto e se esquivava de todos. De looonge, mostrou que largou os betes. Preocupado em mostrar que tem aliados e criticou a ação da Polícia Federal por fazer o seu trabalho na Sanepar.

    FRUET – SORRISOS SÓ DEPOIS
    Estava meio nervoso e evitou deixar um ar mais calmo ao debate e foi para o ataque: em Ducci por motivos óbvios, em Greca por querer aparecer e Ratinho por não ser atuante quanto ele quando estava em Brasília e por ter uma concessão de TV. Foi para o tudo ou nada!

    MEIRINHO – A LUTA CONTINUA, COMPANHEIRO…
    No final disse que queria ser o Presidente de Curitiba e só faltou afirmar que a URSS deveria ser o exemplo. Hoje se perdeu…

    RATINHO – O FILÓSOFO
    Citou pensadores e tentou ser mais intelectual, mas ficou nervoso quando foi acusado por Meirinho por não ter ido na Parada da Diversidade. Suou muito esta noite…

  3. Concordo com Fruet….

    greca já teve sua chance e agora e a vez de outro!
    suas ideias e soluções de problemas pararam no tempo em que ele foi prefeito, a cidade avançou e não pode ser adiministrada por alguem sem senso crítico…

  4. o mickey enrolou enrolou e nao respondeu o que ele votou no projeto de lei que aumenta o salário dos deputados e o numero de vereadores, e ficou tentanto justificar a manutenção do cpmf com um discurso populista envolvendo o ex-presidente lula. O mickey é praticamente um tiririca curitibano

  5. Eu discordo do Avassalador. Curitiba não está vivendo nenhum momento novo. Tudo mais do mesmo. Conseguiram arrumar quatro candidatos favoritos do mesmo tipo. Mas voto anti-Ducci, por pensar que o Sr. Beto Richa precisa aprender que Curitiba não é seu curral eleitoral.

  6. Ducci e Ratinho sairam absolutamente desmoralizados do debate de ontem. Despreparados e com pouco conteúdo, fugiram das perguntas e não apresentaram nada aproveitável. Fraquíssimos, principalmente o Júnior.

    Meirinho foi o que sempre foi, um candidato com muito mais cara de de DCE do que de Prefeitura.

    Fruet, apesar de mostrar ter conteúdo, também se mostrou nervoso e irritadiço. Talvez seja efeito de sua campanha não ter chegado nem perto do que ele esperava.

    Já Greca deu aula. Criticou sem ser mal-educado, e mostrou ser de longe o melhor candidato.

    Esse debate ratificou (não confundir com Ratinhificou, jamais) meu voto!

  7. não assisti detesto a Joice

  8. Fruet falou o que devia. Foi muito bem no debate. É honesto e competente. Merece o meu voto.

  9. Olhando o horizonte os curitibanos estão ansiosos por mudanças e novas idéias. Não queremos mais estes discursos sempre plageados e repetitivos dos cuecas de seda.
    Já saturou !
    Já basta !

  10. O debate foi empolgante. Há ainda o debate da RPC, que a meu ver, será morno e os candidatos irão aproveitar e resgatar os votos dos indecisos sem tanto ataques como ocorreu ontem. Mas uma coisa é certa: Curitiba está vivendo um momento novo na política.

  11. Vitória de Fruet no debate. Pode até ter aumentado a rejeição, por ter atacado alguns adversários. Mas ganhou pontos também…

  12. Agora começou a putaria

  13. as observações ai não falou que o fruet cobrou do Rato o fato dele ter vatado contra os Interesses do povo!!
    Ta me parecendo “Tendencioso” isso aqui!!

  14. Fruet já era.

    Está completamente perdido, piá mimado que acha que tem o direito natural de ser prefeito.

    Fora esse povo de sempre.

    Precisamos de novas idéias.

  15. Assisti ao Debate desprovido de qquer senso de predileção.
    Sinceramente, o Ducci deveria nem ter aparecido, pois foi destruido moralmente e politicamente pelos seus adversários.
    Greca falou com propriedade e conhecimento.
    Ratinho Junior, mostrou-se sensato, educado e sem atacar.
    Fruet estava desestabilizado, perdido, agressivo e outras coisas.
    Fiquei com pena do Ducci, este debate mostrou que Curitiba não quer mais ve-lo na Prefeitura e vamos ser sinceros, ele é MUITO FRACO.
    Curitiba quer mudança, e terá, não se assustem de verem Ratinho e Greca no 2º TURNO.

  16. O Fruet, lamentavelmente, perdeu o foco e está com a mira apontada na direção errada – errou ao se omitir no começo da propaganda eleitoral e só caiu na real depois de se ver em terceiro lugar. Contratar atores para falar por ele foi o seu maior erro nesta campanha, esperou muito tempo para ensaiar a fala sobre a sua saída do PSDB e sobre os verdadeiros responsáveis pela sua saída… falou, falou e não disse nada. Acho que, com a rejeição do Ducci, o Fruet ainda tem chances de ir para o segundo turno, mas me parece que entrou de salto alto demais nesta campanha e tomou uma rasteira inesperada. Vai ficar batendo no Ratinho em vez de falar o que sabe desse seu ex-grupo político?