Bruno Meirinho, do PSOL, diz que brilhou na Parada Gay

Meirinho na Parada Gay.

O candidato do PSOL à  prefeitura de Curitiba, o socialista light Bruno Meirinho, disse que ele e os candidatos a vereador da Frente de Esquerda (PSOL e PCB) brilharam ontem na Parada Gay – a Parada da Diversidade.

Segundo Meirinho, em meio a milhares de pessoas que queriam e querem ver a cidade livre de opressões, lá estavam eles, firmes e fortes na luta contra o preconceito e as opressões.

O candidato do PSOL disputa a preferência do eleitorado gay com Ratinho Junior, do PSC, que adotou na campanha cores que lembram o movimento LGBT (Lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais).

Bruno Meirinho jura que foi o único candidato à  prefeitura presente no evento, entre os cinco que pertencem a partidos com representação na Câmara Federal.

Bruno Meirinho e Sueli Fernandes, assim como os candidatos do PSOL à  Câmara Municipal, afirmam que têm compromisso histórico com as lutas da comunidade GLBT !“ Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transexuais.

“Já o prefeito de Curitiba tem se esquivado da responsabilidade de criar políticas públicas para combater o preconceito e as opressões na cidade”, cutuca o candidato do PSOL.

A Frente de Esquerda propõe a criação de Políticas Educacionais nas escolas municipais que combatam a homofobia. Outra proposta da coligação é a capacitação dos servidores da rede de saúde municipal para atuar na saúde dos Transexuais, já que estes permanecem excluídos de qualquer estatística de saúde, sem qualquer cuidado especial.

1 Comentário

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Por por essas é outra que o “socialista light” é a melhor opção nestas eleições.