Rafael Greca pede a censura da pesquisa Ibope (iBeto)

via Bem Paraná

Rafael Greca (PMDB).

Depois de Luciano Ducci (PSB), Ratinho Junior (PSC) e Gustavo Fruet (PDT), chegou a vez de Rafael Greca (PMDB) entrar na Justiça para impedir a divulgação de uma pesquisa sobre a intenção de votos para as eleições para Prefeito deste ano. O candidato do PMDB pediu nesta quarta-feira no Tribunal Regional Eleitoral a impugnação da pesquisa Ibope porque ele não foi colocado na simulação do 2!° turno.

De acordo com a assessoria jurídica da campanha de Greca, uma resolução do Tribunal Superior Eleitoral assegura que todos os candidatos devem ser colocados nas sondagens de votos estimulados. Pelo menos aqueles que pontuam, quanto mais aqueles que estão em competição direta!, alegaram os advogados.

A decisão do TRE deve acontecer hoje. Além de Greca, a assessoria jurídica de Fruet também está analisando a Ibope para ver se entra na Justiça pela não divulgação da sondagem. Ou seja, dificilmente ela será divulgada até o final da semana.

Situação semelhante aconteceu com diversas outras pesquisas desde o início da campanha. Nesta semana inclusive, a Coligação Curitiba Quer Mais, do candidato Gustavo Fruet conseguiu impedir a divulgação da sondagem. O juiz Luciano Carrasco acatou o argumento de que não existia no registro junto ao TRE a origem dos dados relativos ao grau de instrução e ao nível econômico dos entrevistados.

Além da Datafolha barrada por Fruet, outras sondagens foram impugnadas pelo prefeito Luciano Ducci. Somente ele entrou com cinco ações contra as pesquisas do Instituto Promídia Pesquisa de Opinião Pública e Marketing, do Datacenso Pesquisas e Tendências Mercadológicas e Vox Populi. Ratinho Junior (PSC) tentou barrar a divulgação de uma pesquisa Ibope, mas não conseguiu. Algumas pesquisas que foram barradas até chegaram a ser divulgadas depois, mas com o atraso, o cenário já não tinha credibilidade.

Cenários anteriores – Na primeira pesquisa Ibope, no início de agosto, Ducci, Fruet e Ratinho apareciam em empate técnico, com 25%, 24% e 23% de intenções de voto respectivamente. Rafael Greca (PMDB) tinha 6%. O levantamento foi realizado entre os dias 7 e 9 de agosto e foram entrevistadas 602 pessoas na capital paranaense. A margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR), sob o número PR-00040/2012.
Na segunda Ibope, divulgada no dia 24 de agosto, Ratinho Junior subiu (27%) enquanto Fruet (21%) e Ducci (23%) caíram, mas ainda mantendo margens próximas. Greca se manteve com a mesma intenção de voto !“ 6%. O levantamento foi realizado entre os dias 21 e 23 de agosto e foram entrevistadas 602 pessoas na capital paranaense. A margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR), sob o número PR-00066/2012.

4 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Todo mundo pedindo censura as pesquisas. Parem com isso, deixem de serem covardes… Isso está deixando os eleitores confusos e irritados.

  2. Greca está certo. Ao querer apresentar simulações de um segundo turno sem Greca, a pesquisa Ibope tenta polarizar a eleição entre dois ou três candidatos.

  3. kkkkkkkkkk…o Greca no segundo turno? kakakakak… foi a melhor piada desta campanha.

  4. Nosso líder político, espeiritual e para assuntos “em geral” Carlos Alberto, fez escola. Ele foi o grande divulgador da técnica de censurar pesquisas. Mais uma contribuição sua para a população mundial!