Gustavo Fruet promete mais dinheiro para a Cultura

* “A prefeitura tem que ser o principal indutor da cultura”

Fruet: Cultura terá 1% do orçamento municipal!. Foto Everson Bressan.

Em encontro com lideranças do Fórum das Entidades Culturais do Paraná, ontem (17), Gustavo Fruet (PDT) prometeu destinar, no mínimo, 1% do orçamento municipal para a cultura na sua gestão na Prefeitura de Curitiba.

Quando estava no Congresso Nacional, votei a favor da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que estipulou o mínimo de 1% para cultura nos orçamentos dos governos em todo o país. Adotar esta medida em Curitiba foi um dos nossos primeiros compromissos de campanha!, afirmou.

Os representantes culturais paranaenses apresentaram ao candidato do PDT uma pauta de propostas para a cultura de Curitiba !“ gerais e específicas das sete áreas representadas: música, artes cênicas, literatura, artes visuais, audiovisual, patrimônio cultural e arquitetura. Entre as sugestões, destacam-se a transformação do Conselho Municipal de Cultura em órgão deliberativo (e não mais consultivo), para se enquadrar à  nova Lei Nacional de Cultura; reformulação do Programa de Apoio e Incentivo à  Cultura; reformulação da estrutura, contratação de mais profissionais e mais recursos para a Fundação Cultural de Curitiba (FCC); e mapeamento da cultura local.

Fruet recebeu o documento e lembrou que a pauta do fórum bate com a maior parte das propostas de governo da Coligação Curitiba Quer Mais! para a cultura. Estamos em completa sintonia. A área da cultura tem um potencial maravilhoso e terá muita atenção em nossa gestão. A prefeitura tem que ser o principal indutor da cultura na capital e fará isso através de novos investimentos, incentivos e política fiscal!, assegurou.

O candidato do PDT lembrou que a questão dos recursos humanos na FCC é a mesma encontrada em outras áreas da administração da cidade. Temos um passivo muito grande nos serviços públicos em Curitiba, que vêm perdendo qualidade há várias gestões. A prefeitura tem um excelente quadro de funcionários, mais precisamos aumentar o número de pessoal e incentivar os recursos humanos atuais com qualificação e melhora nos planos de cargos e salários!, comentou.

Fruet também falou sobre o projeto Portal do Futuro, uma ação integrada entre várias secretarias da prefeitura, incluindo a FCC, para incrementar a educação dos jovens curitibanos com atividades de cultura, lazer e esporte, além de formação profissional.

Outros projetos que temos relacionados à  cultura são o Parque da Música, para incentivar a cadeia produtiva na área, e o Museu/Escola de Urbanismo, para formatar novas ideias para o planejamento futuro de Curitiba!, concluiu.

5 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Em uma campanha tão nojenta, quando um candidato fala sobre propostas fica até estranho né? Por favor, como é difícil ser honesto nesse país!

  2. Não duvido…
    Um homem que sabe o que é uma ária em uma ópera deve saber UM POUCO de cultura…

    Vai lá Gustavo!

  3. Ele é o único que pode falar em cultura! Afinal é o único culto! Acorda Curitiba 12!

  4. Acho importante o investimento direto na cultura, os artistas locais não são apoiados estamos em uma cidade que visa somente os interesses do prefeito, não os nossos.

  5. não conheço nenhum desses que estão com o Fruet. Será que eles representam o movimento cultural de Curitiba?