Charge do dia: Lula nunca viu, ouviu ou falou sobre o mensalão

Charge de Clayton – O Povo (CE).

3 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. O jornal O Povo é de um coronel que “administrou” o Estado do Ceará e participou do desmonte do Brasil por anos. Foi rejeitado nas urnas para o senado naquele Estado e agora tenta escrachar o Ex Presidente Lula. Me desculpe prefiro o Brasil pós Jereissate apesar de alguns erros de percurso.

  2. ja se prescreveu sa acusações contra lula .ja faz 7 anos e pouco não foi nada formal ainda! nem o procurador sera penalizado.

  3. Aí as coisas começam a serem esclarecidas. Toda a consciência nacional sabia que as coisas do mensalão não poderiam ter acontecido sem Lula ter conhecimento. Só, que não se poderia provar, porque ele sempre dizia que não sabia de nada. Dentro de sua “cafajestice” nunca admitiu as suas responsabilidades. Embora o advogado de Roberto Jefferson tenha convocado o nobre Procurador da República “às falas”, na verdade não detinha ele as provas suficientes para o chamamento do Presidente, então revestido nas funcões de funcionário público à denúncia. Agora não. Diante de novos fatos; em que Roberto Jefferson por seu procurador denuncia formalmente diante do Supremo Tribunal Federal o CRIME DE CONDESCENDÊNCIA CRIMINOSA, não resta ao douto Procurador a proposição de denúcia contra Lula. Esse Crime esta tipificado no Código Penal em seu art. 320- Deixar o funcionario ( Presidente da República é funcionário público) por indulgência, de responsabilizar subordinado que cometeu infração no exercício do cargo ou quando”¦”¦”¦Pena: Detenção de quinze dias a um mês ou multa. Ora, esta evidente agora que o Réu Lula, tinha conhecimento dos atos delituosos de seus subordinados e nada fez. Portanto, esta claro que praticou um crime. Agora sim o Procurador tem os meios para o oferecimento da denúcia e a responsabilidade legal em fazê-lo, pois se trata de um crime de ação pública incondicionada. Se não o fizer poderá ele, o Douto Procurador estar incurso nas penas do artigo 319 do CPB que tipica o delito de PREVARICAÇÃO; ART. 319- RETARDAR OU DEIXAR DE PRATICAR INDEVIDAMENTE ATO DE OFICIO, OU PRATICÁ-LO CONTRA DISPOSIÇÃO EXPRESSA EM LEI, PARA SATISFAZER INTERESSE OU SENTIMENTO PESSOAL. PENA- DETENÇÃO DE 3 MESES OU 1 ANO E MULTA. Portanto, caso não seja oferecida a denúncia contra Lula, caberá precipuamente a qualquer membro do Congresso Nacional, o chamamento do Procurador Geral da República à responsabilidade.
    ..Liderança Psdb Senado está digitando ….Responder…