Beti Pavin perde mais uma batalha no TRE e pode ter candidatura cassada nesta sexta

Beti Pavin (TSE).

A candidata a prefeita de Colombo, Beti Pavin (PSDB), perdeu nesta quinta-feira (23) mais uma importante batalha no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que pode cassar o registro de sua candidatura amanhã.

O relator do processo de indeferimento da tucana, Jean Carlo Leeck, tinha preparado voto pela admissibilidade de uma liminar que concedia à  candidata do PSDB o direito de concorrer à s eleições de outubro, no entanto, os juízes entenderam que a Justiça já havia analisado o mérito da questão que a torna inelegível e suspenderam o julgamento.

Diante desse entendimento dos juízes — de que a liminar não vale e que ela está inelegível –, a cassação do registro de Beti Pavin voltará à  pauta do TRE a partir das 13 horas desta sexta-feira (24).

Juristas de boa cepa apostam que prevalecerá o entendimento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) segundo qual houve prejuízo ao erário quando a tucana esteve à  frente da prefeitura colombense.

Beti Pavin vem lutando há meses para anular uma decisão da Câmara Municipal de Colombo que desaprovou, em 2009, suas contas relativas ao exercício de 2001.

Comentários encerrados.