Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

Avanço de Ratinho Jr causa tremedeira! na campanha de Ducci

Campanha de Ducci abre fogo contra a de Ratinho Jr.

Os estrategistas do Palácio Iguaçu e da prefeitura de Curitiba, empenhados na reeleição de Luciano Ducci (PSB), estão preocupados com o avanço de Ratinho Jr (PSC). Os moços que torcem pela reeleição do prefeito, pupilo do governador Beto Richa (PSDB), têm crise de tremedeira quando se deparam com monitoramentos internos diários.

Será que esse crescimento é sustentável?!, questionam entre si.

Fato é que a campanha de Ratinho Jr vem avançando pelas ruas centrais da cidade. Sem perder posições na periferia, o candidato do PSC tem mostrado força ao apresentar um volume considerável de propaganda nas regiões nobres da capital.

A propaganda no rádio e na tevê começa amanhã, terça-feira (21), e essa etapa é considerada o maior volume de uma campanha eleitoral.

O incômodo que Ratinho vem provocando na campanha de Ducci pôde ser sentido em duas oportunidades neste final de semana.

A primeira ocorreu no sábado (18) no lançamento da campanha do ex-boleiro Paulo Rink à  Câmara, no bairro Ecoville (Mossunguê), região de classe média alta, quando o alvo preferencial foi o candidato Ratinho Jr.

Ducci e seu vice, Rubens Bueno (PPS), praticamente desconheceram Gustavo Fruet (PDT) e Rafael Greca, por exemplo.

A segunda oportunidade, percebida pelos mais atentos, aconteceu no debate na Band TV. No final do confronto, Bueno disparou contra Ratinho Jr mais uma vez.

Antes, porém, na tarde da última sexta-feira (17), a coligação de Ducci e Bueno distribuiu nota à  imprensa questionando a ausência do nome do deputado Ratinho na lista dos 100 cabeças! do Congresso e dos deputados em ascensão na lista do Diap (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar).

Tais ataques dão margem para algumas interpretações: a primeira, a tendência (fruto de monitoramentos interno) de Ratinho Junior ir para o segundo turno e Ducci não; e a segunda, uma tentativa de polarizar a disputa entre o atual prefeito e o candidato do PSC, imaginando ser mais fácil vencê-lo do que Gustavo Fruet (PDT) numa eventual segunda etapa eleitoral.

Comentários desativados.