Tucano Rossoni também “oPTou” em Campina Grande do Sul

Rossoni próximo do PT.

Aos poucos vão chegando mais informações sobre as coerentes alianças entre tucanos e petistas por esse Paranazão de meu Deus. Não foi só em União da Vitória que o joio e o trigo se misturaram (leia o post: De @rossoni para @pt_pr: você é nosso e nós somos “teu”). A coisa se repetiu por estas plagas também, na região metropolitana de Curitiba, mais precisamente em Campina Grande do Sul.

Lá, estranhamente, o presidente da Assembleia Legislativa e do PSDB, Valdir Rossoni, proibiu o partido de lançar candidato próprio e de aliar-se com o PSD, que apresentou o nome do ex-prefeito Elerian do Rocio Zanetti, o Toco. Por outro lado, abraçou-se com o prefeito Luiz Assunção, do PSB, que filiou a esposa no PT.

A ex-prefeita Nelise Cristiane Dalpra, do PSDB, que sonhava voltar à  prefeitura ou se coligar com o PSD, classificou Rossoni e a cúpula estadual tucana como “ditadores”.

A seguir, leia a integra do comentário de Nelise Cristiane Dalpra no blog:

“Em Campina Grande do Sul, tive um sonho derrubado pelo presidente do Partido Valdir Rossoni através do oficio CEE 64/2012 datado no dia 27 de junho de 2012, onde fala que o PSDB não esta autorizado a lançar candidatura própria ao PSDB ao cargo de Prefeito ou Vice-prefeito e que ainda deveria apoiar o PSB através do candidato a Prefeito Luiz Carlos Assunção e não autorizando outras Coligações Majoritárias e que a coligação ao pleito proporcional estava autorizada ou seja somente em apoio ao PSB.

Fui vereadora 2 vezes, uma vez prefeita e concorri a reeleiçao a prefeita pelo PSDB e na ultima eleição de governo trabalhei muito pelo PSDB. E agora não me deixaram sair a nada isto é um Absurdo!¦!¦
Ditadores

Nelise Cristiane Dalpra”.

Comentários encerrados.