Dilma vai baixar o preço da energia. Petista Elton Welter pergunta quando Richa vai se coçar

* O Paraná é um dos maiores produtores de energia do país

Deputado Elton Welter (PT).

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, anunciou que o governo federal deve baixar uma medida provisória para baixar em até 10% o custo da energia elétrica, beneficiando consumidores individuais e a indústria. A medida do governo federal é mais uma que mostra a disposição em enfrentar os efeitos da crise econômica mundial com a manutenção do crescimento, afirma o deputado Elton Welter, autor da PEC das tarifas sociais, que alterou a redação do !§1Ëš, do art. 133 da Constituição do Estado, tornando permanente o programa Luz Fraterna da Copel que atende atualmente 1,4 milhão de pessoas e garante isenção da tarifa da luz até o consumo de 100 quilowatts/mês.

Entre essas medidas, o líder da Oposição na Assembleia cita ainda a redução do IPI para automóveis e a redução dos juros e dilatação dos prazos da Caixa Econômica Federal para a construção de moradias. Anteriormente, o governo já havia conseguido com que os maiores bancos privados do país baixassem os juros, depois de medida semelhante adotada pelo Banco do Brasil e Caixa.

O governo federal pretende extinguir alguns encargos, para que a energia, barata na origem, não encareça tanto no caminho até chegar ao consumidor final. Entre esses encargos, estão as contas de Consumo de Combustível (CCC) e de Desenvolvimento Energético (CDE), e a Reserva Global de Reversão (RGR). Além disso, também o Programa de Incentivo à s Fontes Alternativas de Energia Elétrica (Proinfa) deve sofrer alterações.

Porém, a eventual redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) é de responsabilidade das unidades da Federação. Esta seria uma medida que poderia beneficiar ainda mais o povo paranaense, se fosse adotada pelo governador Beto Richa!, comentou Welter. O governo paranaense, contudo, tem mostrado disposição oposta, como ficou evidenciado no caso do tarifaço da Sanepar!.

6 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Tem de baixar pelo menos 20%, menos do que isso não é justo pois nas contas vem incluído os valores de obras de hidrelétricas já pagas por duas vezes, para aonde vai este dinheiro?

  2. OUTRO LADO DA MOEDA!
    Acho engraçado este Deputado Suplente … ele serviu o governo degustador de mamona e nada falou sobre pedágios, energia, e outras tantas “ias”. Seu parceiro, era Secretário de Planejamento do manoneiro tbém e nada, nadica de nada. Agora vem fazer discursozinhos. Nâo sou democrata nem psdbista, mas principalmente não sou oportunista, duas caras.

  3. Olha, eu pouco conheço este deputado, mas vejo que sempre que ele aparece na imprensa é falando algo que tem a ver com a vida do povo. De onde ele é?
    Gostei da provocação dele para que o Beto faça a parte dele.

  4. Emenda do deputado Welter eternizou projetos sociais no Paraná.
    http://is.gd/SObW6E

  5. Foi o próprio deputado Welter que na época do Tarifaço do Requião aprovou o aumento do ICMS na energia. Na época não questionou o aumento do imposto, pelo contrário, apoiou. Se hoje o alto ICMS na energia elétrica é prejudicial ao consumidor, o deputado tem parcela de culpa nessa história, pois votou favorável ao aumento da alíquota na época.

    • NA EPOCA O TARIFAÇO DO REQUIAO FOI UMA MISERIA EM RELAÇAO AO TARIFAÇO DO BETO,NEM SE COMPARA MEU CHAPA, É Q VC DEVE SER UM DESSES TUCANOS DO DEMO.