6 de julho de 2012
por esmael
11 Comentários

Ducci inicia campanha caminhando pelo comércio da CIC

O prefeito Luciano Ducci (PSB), candidato à  reeleição, começa a campanha neste sábado (7) com uma caminha pelo comércio da Rua Raul Pompéia, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC), a partir das 10 horas.

Ducci escolheu iniciar a campanha oficial pela região Sul da cidade, a mesma definida pelo adversário Gustavo Fruet (PDT). O pedetista divulgou na manhã de hoje que realizará neste sábado uma caminhada pela Rua Issac Ferreira da Cruz, no Sítio Cercado.

O prefeito dedicará o dia de campanha na região Sul. De acordo com sua coordenação, à s 11 horas, ele centrará fogo no Pinheirinho e ao meio dia no Bairro Novo.

A agenda do candidato do PSB se estenderá até à  noite, quando participará de um jantar no restaurante Madalosso em homenagem ao Dia do Panificador.

No domingo (8), Ducci começará o dia rezando na igreja São Paulo Apóstolo, à s 10 horas, no bairro Uberaba, e encerrará as atividades numa festa junina da comunidade árabe no bairro Mercês.

Veja a agenda de Ducci no sábado e no domingo:

SàBADO, 7

– 10h !“ Caminhada pelo comércio da CIC !“ Rua Raul Pompéia com Leopoldo de Lazari

– 11h !“ Caminhada pelo comércio do Pinheirinho !“ Rua Marcos Bertoldi

– 12h – Caminhada pelo comércio do Bairro Novo !“ Rua Izaac Ferreira da Cruz, próximo ao terminal de ônibus

– 13h !“ Leia mais

6 de julho de 2012
por esmael
1 Comentário

Greca começa a campanha neste sábado pela Rua das Flores

O candidato do PMDB à  prefeitura de Curitiba, Rafael Greca, vai lançar neste sábado (7), sua campanha nas eleições municipais de 2012, com uma caminhada pelo calçadão da Rua XV de Novembro. A atividade está programada para as 12h.

Antes ele se reúne em seu escritório, a partir das 11h, com a equipe de produção do plano de governo e com professores, as 11h30. Do local, no cruzamento das ruas à‰bano Pereira com a XV de Novembro, Rafael Greca parte para o encontro com a população de Curitiba.

Essa é a oportunidade de conversar olho no olho com cada cidadão e apresentar nossa proposta para uma cidade moderna e justa!, destacou Greca. Segundo o peemedebista, o calçadão da XV de Novembro foi o local escolhido para dar início à  campanha, porque sintetiza o espírito democrático do partido.

Escolhemos a Rua XV por ser um local histórico das discussões importantes sobre a política da cidade e do país. Aqui que aconteceram comícios históricos como o das Diretas Já, enfim, um local que reúne o espírito democrático do PMDB! finalizou.

Leia mais

6 de julho de 2012
por esmael
10 Comentários

OAB quer a demissão de 1,7 mil comissionados da Assembleia do PR

A OAB cobra proporcionalidade entre comissionados e efetivos na Assembleia Legislativa do Paraná. Estima-se que a Casa tenha 2,2 mil funcionários de confiança. Desses, apenas 500 seriam concursados. O deputado Valdir Rossoni (PSDB), presidente do Legislativo Estadual, não deve estar nem um pouquinho feliz com a notícia que segue:

do site da OAB

OAB questiona leis que criam cargos comissionados no Legislativo do PR

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) ajuizou junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) a Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) número 4814, com pedido de medida cautelar, para questionar as Leis 16.390/2010 e 16792/2011, ambas do Estado do Paraná. Essas normas criam, extinguem e transformam cargos efetivos, bem como cargos em comissão, do Poder Legislativo estadual. O ministro Marco Aurélio é o relator da Adin. Assina o texto da Adin o presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante.

Para a OAB, as leis instituem na Assembleia Legislativa do Paraná desproporcional e irrazoável quantitativo de cargos comissionados, especialmente se comparado à  quantidade de cargos efetivos realmente providos na mencionada Casa Legislativa!. A entidade da advocacia alega, ainda, que dentre os cargos de comissão criados predominam funções que, a rigor, deveriam ser preenchidas por concurso em razão de sua natureza estar ligada à  atividade legislativa, ressaltando que as funções exercidas por servidores titulares dos cargos efetivos extintos pela lei passaram a ser exercidas por cargos de provimento por comissão.

O Conselho Federal da OAB aponta que o número de cargos em comissão criados pela Lei Estadual 16.390/2010 era de cerca de 1.704, e que essa norma também extinguiu 163 cargos efetivos dos quadros de funcionários da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná. Também afirma que, posteriormente, o número de cargos em comissão criados foi alterado pela Lei 16.792/2011 para aproximadamente 1.677.

No entendimento da OAB, conforme a Constituição Federal, deve ser observado o princípio da proporcionalidade para a criação de cargos comissionados, o que consubstancia o dever de equilíbrio entre o número destes e os efetivos, sob pena, inclusive, de afronta aos princípios da igualdade contidos no artigo 5!º, caput, bem como da impessoalidade e da moralidade administrativa Leia mais

6 de julho de 2012
por esmael
Comentários desativados em Três disputam a prefeitura de Foz

Três disputam a prefeitura de Foz

* Já para o legislativo o município tem 212 candidatos concorrendo à s 15 cadeiras da Câmara de Vereadores

por Mariana Serafini, do ClickFoz

Por falta da documentação necessária a candidatura do PTdoB não foi registrada. De acordo com o chefe de cartório da 46!º Zona Eleitoral de Foz do Iguaçu, Mauro Vinícius Duarte Alves, o candidato Elvis Gimenes e o vice Anderson Luiz Martinez não apresentaram o Drap !“ Demonstrativo de Regularidade de Atos Partidários.

O primeiro candidato a registrar a candidatura foi Chico Brasileiro do PCdoB ao lado da vice Nanci Rafagnin do PDT, eles chegaram ao Fórum Eleitoral por volta das 14h.

Em seguida registraram a candidatura Reni Pereira do PSB e sua vice Ivone Barofaldi do PSDB, próximo à s 17h. O candidato do Psol, Elias Aiex Neto chegou no Fórum por volta das 18h também acompanhado de sua vice Jusi Pessoa Corpa do mesmo partido.

Devido ao excesso de dados registrados quase que ao mesmo tempo houve instabilidade no sistema e várias candidaturas foram registradas por escrito para garantir o prazo e agora serão transferidas para o sistema. O trabalho no Fórum Eleitoral seguiu até 00h de sexta-feira (6) para atender toda a demanda.

De acordo com Alves, todo ano os candidatos costumam deixar para fazer seus registros na última hora.

Leia mais

6 de julho de 2012
por esmael
7 Comentários

Artigo de João Arruda: “Não me venham falar em coerência nestas eleições”

As coligações que vão disputar a prefeitura de Curitiba neste ano atribuíram à  cidade o que se pode chamar de modelo de incoerência política. O grupo autointitulado Coerência! ironicamente se apropria da história dos principais candidatos opositores, para uma argumentação contraditória.

Afinal, se mudanças de partidos e alianças são as bases da Coerência!, então esse grupo precisa ser relembrado. Os legados ideológicos e partidários da maior parte dos candidatos de 2012, senão de todos eles, pelo menos em algum nível, é o testemunho legítimo e irreparável de que nossa democracia começou a mofar.

Para começar, todos são, na teoria e não na prática, da base de apoio ao governo federal. Para a ilustração, o caso do atual prefeito da cidade, Luciano Ducci. Ele, sendo do PSB, partido da base da presidente Dilma Rousseff, que é petista, tem o principal apoio vindo do governador do Paraná, Beto Richa, tucano. Se os fatos são superiores à s ideias, então a cidade lida com um tipo de esquizofrenia política.

Já os fundamentos ideológicos de Ducci, relacionados à  base partidária dele, o PSB, dão suporte ao PT em uma camada, e em outra dão suporte e recebem ajuda do PSDB, ao mesmo tempo que deixam que o vice seja do PPS. O PPS, por sua vez, foi fundado por dissidentes do Partido Comunista, que apoiaram José Serra contra Dilma, e também apoiaram Richa.

O PPS faz oposição ao PT e ao PSB em Brasília e em Curitiba apoia o candidato do PSB. Em União da Vitória, região de captação de votos do presidente do PSDB no Paraná, os tucanos indicaram o vice para a chapa do PT. A todas essas informações tão capazes de nos confundir chamaram de Coerência!. Isso, lamentavelmente, não é um caso especial.

As convenções que terminaram em j Leia mais

6 de julho de 2012
por esmael
3 Comentários

Greca aposta nas redes sociais para voltar à  prefeitura de Curitiba

O ex-deputado e ex-ministro Rafael Greca, do PMDB, vai apostar alto nas redes sociais como estratégica para convencer os eleitores curitibanos de que é o melhor nome para ocupar o cargo de prefeito. Greca tenta voltar à  prefeitura depois de 15 anos (1993-1997).

O candidato peemedebista abriu novos endereços de acesso para as mídias (Facebook, Twitter e Youtube), que agora são identificadas pelo destino virtual rafaelgreca15.

A ação, segundo o coordenador de Mídias Sociais da campanha, Hedmilton Rodrigues, visa integrar o acesso e facilitar a interatividade com os internautas. Um novo portal, com visual moderno e dinâmico, também será lançado, nos próximos dias, para reforçar as propostas e ideias de candidatura de Rafael Greca, à  Prefeitura de Curitiba.

Será um portal bastante interativo, que possibilitará e facilitará a participação dos internautas, com todas as ferramentas e dispositivos de integração digital, como o caso das fotos adaptadas para deficientes visuais!, destacou Rodrigues.

Padrão 15

Além da interatividade, o acesso à s redes sociais de Rafael Greca agora é padronizado. As mídias indicam o mesmo endereço de acesso rafaelgreca15. Segundo Hedmilton Rodrigues, houve ainda valorização do número 15, que identifica o PMDB, em todo o país. Foi também criada uma logo de campanha simbolizada por uma araucária.

Reforçamos a ideia de valor Leia mais

6 de julho de 2012
por esmael
1 Comentário

PF prende ex-cunhado de Cachoeira por ameaça a procuradora da República

da Agência Estado

A Polícia Federal em Goiás prendeu na manhã desta sexta-feira, 6, Adriano Aprígio de Souza, ex-cunhado do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, por ameaçar a procuradora da República Léa Batista de Souza. A PF cumpriu as ordens de prisão e de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal, a pedido do Ministério Público.

Apontado pela polícia como laranja do contraventor, Adriano Aprígio enviou, segundo as investigações, dois e-mails apócrifos em tom ameaçador à  procuradora que atuou na Operação Monte Carlo, que desbaratou o esquema comandada por Carlinhos Cachoeira. O primeiro foi enviado em 13 de junho, dizendo que Léa Batista teria sido “dura” demais com o grupo de Cachoeira. A segunda ocorreu no dia 23, com palavras de baixo calão e ameaças a ela e à  família dela.

Após a segunda ameaça, Léa passou a receber proteção policial. Ela já disse que não vai abandonar o caso, ao contrário do que decidiu o juiz federal Paulo Augusto Moreira Lima, responsável pela prisão de Cachoeira no final de fevereiro. A CPI aprovou na quinta-feira convite para que o juiz fale sobre as ameaças que sofreu.

Ao rastrear o emissor das mensagens, a PF descobriu que as mensagens partiram de um computador cujo IP estava na casa de Adriano Aprígio. “Ameaças veladas ou ostensivas não nos farão retroceder. Tentativas de intimidação não adiantarão. Continuaremos firmes na defesa da sociedade”, garatiram em nota os procuradores da República Daniel de Resende Salgado e Marcelo R Leia mais

6 de julho de 2012
por esmael
5 Comentários

Oito candidatos a prefeito de Curitiba solicitam registro no TRE

por Bibiana Dionísio e Fernando Castro, do G1 PR

Os oito pré-candidatos à  prefeitura de Curitiba requereram na quinta-feira (5) o registro de candidatura. O período terminava à s 19h, mas precisou ser estendido porque o sistema para registro das candidaturas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) chegou a ficar fora do ar. O problema, de acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), ocorreu também em outras cidades do estado. Até domingo (8) a lista de todos os candidatos do estado, tanto a vereador quanto para prefeito, será divulgada no Diário da Justiça Eletrônico, no site do TRE.

A novidade de última hora foi a candidatura própria do Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB), que lançou o apresentador Carlos Moraes para o pleito. A legenda havia decidido apoiar o candidato do PDT, Gustavo Fruet, mas a recusa da candidatura do próprio Moraes ao Legislativo no “chapão” formado também pelo PT e PV inviabilizou a coligação. Assim, o PRTB vai à s urnas com chapa pura e três candidatos a vereador, de acordo com o TRE.

A partir desta sexta-feira (6), a propaganda eleitoral está permitida. Contudo, a legislação brasileira proíbe propaganda em outdoors, showmícios ou eventos similares direcionados para a promoção de candidatos. Em bens públicos, como postes, viadutos, passarelas e pontes, não pode haver propaganda dos candidatos. São vedados ainda o produção, uso e distribuição de brindes como camisetas, chaveiros, bonés, canetas e cestas básica. Aquele que desrespeitar essas limitações pode responder por compra de votos, emprego de propaganda proibida e, se for o caso, por abuso de poder.

A eleição será em 7 de outubro, primeiro domingo do mês. O eleitorado curitibano é composto por, aproximadamente, 1,1 milhão de eleitores.

Conheça um pouco mais dos candidatos, por ordem alfabética

A candidatura de Alzimara Bacellar lança também o PPL em Curitiba. Homologado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em outubro de 2011, esta será a primeira eleição a que o partido fundado em 2009 concorrerá. Bacellar tem histórico em movimentos sociais ligados a garantia de direito à s mulheres.

Ao explicar o que pretende para Curitiba, ela afirma que a cidade deve liderar o desenvolvimento Leia mais