Rafael Greca confirma convenção do PMDB no dia 23

Rafael Greca, por Gilberto Yamamoto (Gazeta do Povo).

O PMDB de Curitiba publicou nesta quarta-feira (13) o edital de convocação da convenção municipal do PMDB, em Curitiba, retificando a data para 23 de junho próximo. A informação é do primeiro-vice-presidente Rafael Greca, pré-candidato a prefeito nas eleições de 7 de outubro. Segundo ele, a publicação está de acordo com os prazos previstos na Lei Eleitoral.

Segundo Greca, o documento está assinado pela maioria dos membros da Comissão Executiva Municipal. Quatro membros são a maioria diante de dois que se entregaram aos adversários!, destacou.

O ex-prefeito informou ainda que o novo edital está fixado desde hoje, dia 13, na Câmara Municipal de Curitiba e na sede do PMDB, em Curitiba, localizada na Rua Vicente Machado, 988.

Além disso, o documento já foi enviado por e-mail e sedex para todos os convencionais. Tudo está sendo feito na maior regularidade, de acordo com a lei brasileira e instrução normativa do Tribunal Superior Eleitoral!, garantiu Greca.

A republicação do edital, segundo ele, vai contra os interesses do grupo que prometeu entregar o PMDB, “mas não conseguirá. Eles esbarram na vontade de independência da maioria dos companheiros, com forte apoio da Executiva Nacional do PMDB, seguindo a orientação e a liderança do senador Roberto Requião!, concluiu Greca.

5 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. sinto muito professor, mas acho q quem mudou de lado hoje em dia é o senhor, ou o senhor acha q o ducci ñ é da turma do beto? o greca ja foi do grupo do beto jaime ,casio, sim claro? agora; o mais importante é q o greca mudou de lado, ou seja hoje em dia ele esta do lado do PMDB DE REQUIAO Q NOS CONHECEMOS, ou sera q foram vcs quem mudaram de lado, hoje em dia?pois votar no ducci é a mesma coisa q votar na turma do jaime lerne ,beto, cassio. mas ñ voto no ducci , mas nem q a vaca tussa professor!

  2. O Edital continua errado.
    Ele omite a possibilidade dos convencionais poderem deliberar sobre coligação.
    Esta situação assemelha-se àquela quando o PMDB apoiou o Vanhoni ““ não havia consenso entre os convencionais, daí veio a disputa no voto. Este procedimento está contemplada no Estatuto Partidário.
    Lembro ao Senhor Greca que tenho uma longa história no PMDB e não será ele quem irá denegri-la.
    Garanto que ele também lembra quantas vezes já o enfrentei, principalmente na época quando ele era um lernista de carteirinha.
    O Greca nunca mais ganha eleição, pois o povo não perdoa quem vive mudando de lado ““ antes Lerner, agora Requião.

  3. o pessoal do ducci e do derosso vão achar cabelo em ovo só par embaçar a candidatura do greca , isso é jogo sujo não deixar um concorrente disputar.

  4. Josiel, quem disse pra voce que esta é a vontade dos convencionais? fizeram o edital em portas fechadas e pegaram a assinatura dos componentes da executiva, que é composta por 6 membros e obtiveram 4 votos, esta com certeza não é maioria dos convencionais.

  5. Pena que Requião não agiu desta maneira na sucessão Estadual,e desta maneira cortando a candidatura do partido.Agora esta se redimindo e fazendo valer a vontade dos convencionais pela candidatura própria do PMDB, os derrotados que tiverem mandatos políticos e não entrarem na campanha deve ser aplicado aos mesmos a lei da infidelidade partidária,cassando os respectivos mandatos dos mesmos.