Por Esmael Morais

Derosso acreditou na cúpula tucana e dançou, dizem advogados

Publicado em 28/06/2012

por Josianne Ritz, via Política em Debate

João Cláudio Derosso.

Pessoas próximas ao ex-presidente da Câmara Municipal de Curitiba, João Cláudio Derosso (sem partido), avaliam que a cassação de seu mandato, determinada ontem pela Justiça, pode fazer aflorar os instintos de vingança do ex-vereador e ex-todo poderoso do Legislativo da Capital contra o PSDB.

à‰ que segundo consta, Derosso teria concordado em se desfiliar por conta própria do ninho tucano! antes de ser expulso, com a promessa dos caciques da legenda de que a sigla não patrocinaria nem permitiria qualquer recurso aos tribunais para desalojá-lo, o que acabou não se cumprindo.

Os advogados de Derosso afirmam que ele errou ao acreditar nessas promessas e se desfiliar, já que poderia brigar na Justiça, questionando o rito sumário do processo de expulsão, sem direito à  defesa.