Por Esmael Morais

MPF pede suspensão de cobrança de pedágio em rodovia do Paraná

Publicado em 09/05/2012

Segundo a ação, a cobrança do pedágio estava ligada a execução da obra e é irregular, já que a Rodonorte não poderá cumprir o prazo estabelecido inicialmente para o final de 2012. As obras ainda não tiveram início, e foram adiadas em virtude do ajuste entre a empresa, o Governo do Estado e o Departamento de Estradas e Rodagem (DER).

Este acordo previu a antecipação da duplicação de trecho da BR-277, denominado “Contorno de Campo Largo”, em detrimento da obra na PR-151, de acordo com o MPF. O órgão considera a troca lesiva aos interesses dos usuários do trecho rodoviário sob concessão, por isso também pede à  Justiça Federal que exija o início da reforma em até 90 dias, com prazo de conclusão em nove meses.