Contra a crise que arrasa a Europa, Espanha estatiza banco

A Europa vive os seus piores momentos econômicos desde que foi criada a zona do Euro, em 1999.

Depois de Portugal, Islândia e Grécia, agora é a vez da Espanha sofrer com o receituário neoliberal (cortes de recursos em políticas compensatórias e redução nos direitos sociais).

A última dos espanhois foi a estatização do banco Bankia. O Estado assumiu o controle de 45% das ações da instituição ao injetar um socorro de € 4,5 bilhões. El pueblo daquele país ainda jogará mais € 10 bilhões no Bankia.

Quando é para salvar as grandes corporações que apresentam rombos em seus balanços contábeis, seja no Brasil ou no estrangeiro, a ajuda estatal não é critica pela grande mídia brasileira. Mas, se esse dinheiro fosse injetado em programas sociais…

Comentários encerrados.