Bancada do PT registra moção de repúdio à  ação judicial proposta pelo PSB contra blogueira Thea Tavares

Thea Tavares.

A vereadora Professora Josete (PT) assinou uma moção de repúdio à  ação judicial proposta pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), do atual prefeito de Curitiba Luciano Ducci, contra a jornalista e blogueira Thea Tavares, do Blog Lado B. A moção foi assinada pela bancada do PT na Câmara Municipal e pelo vereador Paulo Salamuni (PV).

“à‰ impensável que em um momento em que tantas realizações importantes na área da informação, como a Lei de Acesso à  Informação e a Comissão da Verdade, estejam se concretizando, um movimento de censura seja realizado pelo partido do prefeito”, lamenta a vereadora Professora Josete (PT).

“A Constituição de 88 garante a liberdade de expressão e de pensamento, e vetar isso a um jornalista é um erro muito grave”, disse.

A ação do PSB foi proposta perante a Justiça Eleitoral, e requer a retirada do conteúdo do blog do ar. Isso aconteceu depois de matérias que divulgavam os adesivos “Juntos – Ducci e Derosso 2012”, que estavam em circulação na cidade. O título “Juntos” foi usado em outras campanhas do mesmo grupo político no passado e atualmente pode ser visto em adesivos em alguns automóveis na cidade.

A moção reforça que o conteúdo veiculado pelo Blog Lado B não violou nenhum dispositivo legal e não cometeu nenhum tipo de crime. Vários outros blogueiros e jornalistas já se manifestaram contrários à  ação do PSB.

Meu comentário:

Querida Thea,

Quero aqui registrar a minha solidariedade contra essa clara tentativa de censura. Acho que nenhum político — ou mesmo juiz — tem o direito de obrigar blogueiro ou jornalista de apagar matéria de sua página pessoal. Somente o Supremo Tribunal Federal (STF) tem esse poder de retirar postagem e de arbitrar a favor ou contra a liberdade de expressão. à‰ a minha opinião e dos ativistas digitais que estiveram presentes no último final de semana no 3!º Encontro Nacional de Blogueiros, em Salvador.

Comentários encerrados.