Vereadores de Curitiba terão que devolver salário recebido irregularmente

Vereadores terão que devolver R$ 80 mil ao erário. Foto: Freddy Pinheiro.

Alguns vereadores de Curitiba inauguraram hoje horário novo da sessão com uma péssima notícia. Promotores do Ministério Público do Paraná (MP) estiveram esta manhã no plenário da Câmara Municipal para notificar ao menos 12 parlamentares, remanescentes da legislatura de 2004, que terão de devolver R$ 80 mil (corrigidos) recebidos irregularmente.

Segundo informações preliminares, naquele ano, a Casa concedeu aumento de 53,7% no salário dos vereadores. O MP considerou que houve extrapolação dos limites legais na fixação dos salários dos vereadores em 2004.

A notificação do MP tem como base um julgamento do Tribunal de Contas do Paraná (TCE) que, no ano passado, viu irregularidade na lei que vinculava os salários dos vereadores aos dos deputados estaduais.

Nesta segunda-feira (23), a Câmara estreou horário novo nas sessões que, a partir de hoje, serão realizadas das 9h à s 12h nas segundas, terças e quartas-feiras.

Comentários encerrados.