Delegado Francischini é escalado para cravar a estaca em Derosso

Francischini pede a expulsão de Derosso do PSDB.

O deputado federal Fernando Francischini foi escalado no PSDB para cravar a estaca nas costas do ex-presidente da Câmara Municipal de Curitiba, João Cláudio Derosso, ao protocolar nesta quarta-feira (25) o pedido de expulsão do vereador do ninho.

Francischini, que é delegado da Polícia Federal, justifica o pedido dizendo que o ainda correligionário cometeu falta grave, de improbidade, no exercício da presidência do legislativo municipal. Derosso comandou a Casa por quase 15 anos ininterruptos.

No próximo dia 7 de maio, o diretório estadual do PSDB — presidido pelo deputado Valdir Rossoni, presidente da Assembleia Legislativa do Paraná — analisará o pedido de expulsão.

Na Câmara Municipal, há dúvidas de que Derosso seja mesmo defenestrado do ninho. Caso isso ocorra, o ex-presidente da Casa não poderá disputar as eleições de outubro (ele teria que estar filiado a um novo partido desde outubro de 2011).

Outra dúvida nos corredores da Câmara: se expulso, Derosso ficará calado ou abrirá o bico?

3 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Não sei se o Francisquinho é o mais indicado, mas que o caso do Derosso é coisa para delegado, isso é.

  2. Ficará calado. Será o mártir do grupelho para se manter a tropa no poder. “JUNTOS 2012”, diz o novo adesivo nos carros, da caterva que quer mais 4 anos. JUNTOS como carangueijos. Unidos e negando sempre. “Eu não sabia de nada…”

  3. o francischini tem experiência em lidar com quem não quer seguir a lei.