PT de Curitiba desce a borduna no senador Roberto Requião

Roseli Isidoro (PT).
A presidenta do PT de Curitiba, Roseli Isidoro, manifestou nesta quarta-feira (7) seu repúdio ao manifesto do senador Roberto Requião (PMDB), por meio do diretório municipal do seu partido, sobre o debate em torno do lançamento ou não de candidatura própria do PT à  Prefeitura de Curitiba em 2012. Em outras palavras, a dirigente petista lembrou ao senador uma das máximas do pensamento ocidental: a Cesar o que é de Cesar!.

Roseli disse que “não se pode, a pretexto de cobrar compromisso eleitoral, interferir nas decisões internas do PT, ou pior, ditar regras e dizer quais caminhos devemos seguir em relação à s eleições municipais deste ano!.

O PT de Curitiba tem instância decisiva, tem organização partidária e tem um número expressivo de filiados na Capital. à‰ a esse conjunto de filiados que cabe definir os rumos que o PT deve seguir!, completou.

“Na falta de liderança sobre sua própria legenda, o senador parece estar dedicando atenção indevida e se intrometendo nos debates que resultam da democracia interna do PT. à‰ importante lembrar que apenas um dos deputados peemedebistas na Assembleia Legislativa faz oposição ao governo Beto Richa (PSDB). Os demais estão todos na base de apoio ao governador tucano, adversário político do PMDB nas eleições de 2010 no estado”, diz a presidenta do PT.

Comments are closed.