Projeto “some” e tarifa da água aumenta 16,5% na sexta-feira

da Liderança do PT na Assembleia

Foi derrubado nesta tarde, por 30 votos a 10, o pedido de regime de urgência da bancada da oposição na Assembleia ao decreto legislativo que suspende o tarifaço da Sanepar. A intenção era dar celeridade ao processo para impedir que o reajuste de 16,5% nas tarifas da água entre em vigor nesta sexta-feira, 16.

O líder da oposição na Assembleia Legislativa, deputado Elton Welter (PT), questionou a demora da análise da matéria pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

O deputado Nelson Justus (DEM), presidente da CCJ, negou que o projeto já tenha chegado à s suas mãos. Diante disso, o presidente da Assembleia, Valdir Rossoni (PSDB), disse que tomará providências para que se saiba o paradeiro do projeto.

Nos 15 meses do atual governo, as tarifas de água e esgoto tiveram um reajuste acumulado de mais de 35%, contra uma inflação, no mesmo período, de apenas 8%.

Votaram com oposição os deputados Plauto Miró (DEM), Rasca Rodrigues (PV) e Roberto Aciolli(PV).

Comments are closed.