Em reunião com Requião, PMDB avalia candidatura própria em Ponta Grossa

por Aline Rios, via Diário dos Campos

Senador Requião discutiu estratégia eleitoral com pontagrossenses.
Senador Requião discutiu estratégia eleitoral com pontagrossenses.
Lideranças de outros partidos que participaram nesta sexta-feira da reunião do PMDB, que contou com a presença do senador e ex-governador do Paraná Roberto Requião, avaliaram positivamente o encontro que tinha como principal objetivo discutir assuntos referentes à  eleição de outubro. Estiveram presentes dirigentes regionais do PT, PR e do PDT, que integram a base do governo Dilma Rousseff (PT), além de correligionários e pré-candidatos à  majoritária do partido de toda a região. O presidente do PMDB em Ponta Grossa, Fábio Artero, enfatiza que o Diretório da sigla deve realizar uma reunião na cidade no próximo dia 19 para tomar uma posição sobre a candidatura própria defendida por Requião. Cerca de 100 pessoas estiveram na reunião realizada no Hotel Planalto.

Artero destacou a primeira visita oficial de Requião à  cidade depois de ter sido eleito senador da República em 2010. Essa foi uma primeira visita de muitas que devem acontecer na cidade e região nos próximos meses. A participação de lideranças de outros partidos mostra a força que o PMDB tem também em Ponta Grossa, -incluindo o PR, que apesar de integrar o governo Wosgrau, é da base do governo Dilma-, integrando um grupo que hoje se opõe ao governo de Beto Richa [PSDB]!, destaca.

Segundo Artero, as lideranças reunidas nesta sexta-feira não chegaram a tratar especificamente de candidatura à  majoritária em Ponta Grossa, mas devem estar unidas na elaboração de um plano de governo voltado à  população. Se não for possível formarmos uma aliança para lançar apenas um candidato à  prefeitura, certamente, estaremos juntos no segundo turno!, ressalta, enfatizando que o partido também deve contar com apoio do PCdoB e que também buscará estreitar laços com o PSD e PTB.

Presidente do PDT na região, Márcio Pauliki, também destacou que a participação de outras lideranças no encontro com Requião demonstra a força do partido. O PMDB é um dos grandes partidos do País e eu me identifico muito com as pessoas que integraram a reunião. Eu avalio que o PMDB está tratando da questão [eleição] de forma coerente ao defender uma candidatura própria!, analisa.