TCU mantém prefeito de Palmital inelegível

O Tribunal de Contas da União (TCU) manteve inelegível o prefeito de Palmital, Clério Benildo Back (PR), devido irregularidades em licitação e superfaturamento em obras de poços artesianos. A penalidade é decorrente de um convênio celebrado entre o município e o INCRA.

O TCU desconheceu recurso do prefeito porque a defesa o fez fora do prazo. Objetivamente, Back está inelegível para as eleições de 2012.

Como a desgraça de um faz a alegria de outro, a tropa do ex-prefeito Darci Zolandek (PMDB) comemora a decisão do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Caio Soares, que aprovou as contas de 2006 do ex-chefe do executivo municipal. Com isso, Darci garantiu presença em campo na disputa de outubro.

Comments are closed.