Guardas municipais fazem protesto no Centro de Curitiba e pedem isonomia

por Fernanda Leitóles, via Gazeta do Povo

Guarda municipal faz protesto em Curitiba. Foto: Felipe Rosa/Gazeta do Povo.
Um grupo de aproximadamente 30 guardas municipais fez uma manifestação na Boca Maldita, no Centro de Curitiba, na manhã desta segunda-feira (13). A categoria pediu isonomia com os demais servidores públicos, de acordo com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba (Sismuc).

De acordo com o Sismuc, os servidores recebem gratificações de R$ 250, mas os guardas municipais não recebem o benefício. Outra reivindicação é para que a categoria tenha reajuste linear na data-base.

A prefeitura ofereceu R$ 100, mas nada foi falado do reajuste linear. Por isso queremos discutir o plano de carreira!, afirmou diretora de assuntos jurídicos do Sismuc, Irene Rodrigues. Outras manifestações devem ocorrer nos próximos dias.

O sindicato também não concorda com a proposta apresentada pela prefeitura na última sexta-feira aos demais servidores. Dos R$ 250 da gratificação, R$ 100 seriam incorporados aos salários em maio de 2013 e o restante do benefício continuaria a ser pago normalmente.

O prazo é muito extenso e os trabalhadores não concordam com a proposta!, afirmou Irene.

Até 5 de março, os servidores esperam nova proposta por parte da administração. Caso contrário, planejam estudar a possibilidade de greve.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da prefeitura de Curitiba, por volta das 11h45, mas ainda não havia obtido retorno até as 13h35.

Comments are closed.