29 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
Comentários desativados em Em Nota, prefeitura de Curitiba diz que fornecerá estrutura para “Réveillon Fora de à‰poca”

Em Nota, prefeitura de Curitiba diz que fornecerá estrutura para “Réveillon Fora de à‰poca”

Na tarde desta quarta-feira (29), no Facebook, pessoas que confirmaram presença no “Réveillon Fora de à‰poca” neste sábado (3), na Praça Espanha, em Curitiba, cobravam da prefeitura apoio logístico para a realização do evento.

Agora à  noite, a prefeitura divulgou uma nota onde esclarece uma notificação que recebeu do Ministério Público, que também cobrou a presença do poder público municipal na festa.

A prefeitura informa que não conseguiu encontrar os “organizadores” do Réveillon, mas garante que fornecerá a estrutura necessária.

A seguir, a íntegra da nota oficial emitida pela prefeitura de Curitiba esclarecendo a notificação do MP sobre o Réveillon na Praça Espanha.

* Prefeitura esclarece notificação do MP sobre Reveillon em praça

A Prefeitura de Curitiba foi notificada pelo Ministério Público do Paraná para que impeça que o evento intitulado Reveillon Fora de à‰poca de Curitiba! se realize no sábado, 3, à s 22h, na Praça Espanha, sem as devidas condições e estrutura, diante dos transtornos causados quando da realização em 2011.

Os organizadores do evento, conforme a Leia mais

29 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
Comentários desativados em Policiais e governo ainda tentam acordo sobre reajuste de salários

Policiais e governo ainda tentam acordo sobre reajuste de salários

* Imbróglio se arrasta desde a véspera do Carnaval

Policiais civis e militares desafiam governo do PSDB.

As entidades representativas dos policiais militares e civis participam neste momento de uma mesa-redonda com o governo do Paraná para tentar fechar um acordo sobre a tabela de reajuste nos salários das corporações. ... 

Leia mais

29 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
18 Comentários

Ducci oficializa redução de 30% no próprio salário; altruísmo ou demagogia?

Oposição diz redução no salário de Ducci "não passa de marketing".

O prefeito de Curitiba, Luciano Ducci (PSB), lançou mão de dois “pacotes de bondades” nesta quarta-feira (29). O primeiro oficializou o corte de 30% no próprio salário. O segundo concedeu aumento linear de 10% no salário dos 44 mil servidores municipais. ... 

Leia mais

29 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
1 Comentário

Artigo: No Paraná, “choque de gestão” para os professores; aos amigos do governador, o mimo

por Marta Bellini e Sueli Train*, via Folha de Maringá

O decreto no 2719 de 11 de outubro de 2011, assinado pelo Chefe da Casa Civil do governo do Paraná, Sr Durval Amaral, expõe o que é o governo tucano de Beto Richa. Foi eleito governador com promessas de boa gestão do dinheiro público. Porém, esqueceu de nos dizer que a boa gestão do dinheiro público era para aumentar até em 138% os chamados encargos especiais.

Deu aos amigos o quanto pode. Durval Amaral, dono de boa conversa, assinou a famigerada lista de especiais amigos do governo. Uma nota preta em aumentos. Já para os professores das Universidades Estaduais fez exatamente o oposto: deu o choque de gestão! (dizem as más línguas, choque copiado do amigo Aécio, tucano de Minas Gerais).

Choque para os professores e mimo para os amigos. E que mimo! Leia mais

29 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
3 Comentários

Sindicato diz reajuste anunciado por Ducci é resultado da campanha salarial dos servidores

* Sindicato afirma que prefeito temia uma greve geral

Servidores municipais realizam assembleia na noite desta quarta.

O sindicato dos servidores municipais de Curitiba (Sismuc) realiza na noite desta quarta-feira (29), no Centro de Convenções, uma assembleia para avaliar o reajuste linear de 10% no salário de 44 mil servidores, anunciado na manhã de hoje pelo prefeito Luciano Ducci (PSB). ... 

Leia mais

29 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
12 Comentários

A pedido de Gleisi, TCU manda DER revisar contratos de pedágio no Paraná

por Josiane Ritz, via Bem Paraná

O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou ao Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) uma revisão dos contratos de pedágio das segmentos rodoviários estaduais que foram adicionados a trechos federais no Paraná no final da década de 1990. O relatório pede o que chama de reestabelecimento do equilíbrio econômico-financeiro dos contratos relativos ao Programa de Concessão de Rodovias do Estado do Paraná!, ajustando os investimentos de acordo com as necessidades públicas e as taxas de rentabilidade, no prazo de 360 dias.

Terão que ser revistos os contratos de concessão com as seguintes concessionárias: Empresa Concessionária de Rodovias do Norte S/A !“ Econorte (BR-369 e BR-153), Rodovias Integradas do Paraná S/A !“ Viapar (BR-369, BR-376 e BR-158), Rodovia das Cataratas S/A !“ Ecocataratas (BR- 277) , Caminhos do Paraná S/A (BR-277, BR-373 e BR-476), Concessionária de Rodovias Integradas S/A!“ Rodonorte (BR-277, BR-373 e BR-376) e Concessionária Ecovia Caminhos do Mar S/A(BR-277). Com base na revisão, as tarifas podem ser reduzidas.

O tribunal identificou que são fortes os indícios de que as diversas alterações promovidas nos contratos de concessão, algumas delas sem critérios técnicos, ocasionaram desequilíbrio econômico-financeiro em favor das concessionárias!. Por isso, o TCU determinou ao DER que adote, em até 360 dias, as medidas necessárias para que se faça constar cláusula de revisão periódica da tarifa!. Leia mais

29 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
8 Comentários

PSDB pode ficar sem candidato nas principais cidades do PR

por Luciana Cristo, via Folha de Londrina

O PSDB, partido do governador do Paraná Beto Richa, pode não ter candidato próprio nas principais cidades do Estado, nas eleições deste ano para prefeito. Apesar de planejar lançar candidato em aproximadamente 260 municípios, em Curitiba, Maringá, Guarapuava e Ponta Grossa o PSDB pode preferir apoiar aliados considerados mais fortes. Há grande possibilidade que isso também ocorra em Londrina, embora o partido aguarde posicionamento do secretário estadual da Fazenda, Luiz Carlos Hauly (PSDB), sobre a pretensão para esse ano.

A definição de Hauly precisa sair até 7 de abril, prazo para desincompatibilização dos secretários de Estado que pretendem concorrer em outubro. Caso ele não saia candidato, a aliança do PSDB pode ser com o vereador de Londrina Marcelo Belinati (PP). Cascavel é outra dúvida. O partido estava pensando em apoiar a reeleição de Edgar Bueno (PDT), mas o deputado federal tucano Alfredo Kaefer já manifestou seu desejo de entrar na disputa. Na capital, a mobilização será pela reeleição de Luciano Ducci (PSB), que por duas vezes foi vice de Beto Richa na prefeitura. Em Guarapuava, o candidato será o deputado estadual César Silvestri Filho (PPS). ”Para garantir a governabilidade do Beto Richa coligamos com partidos de todas as tendências e precisamos atender os aliados”, afirmou o líder do governo na Assembleia Legislativa (AL) do Paraná, Ademar Traiano.

Em Ponta Grossa, as opções são outros dois deputados estaduais: Plauto Miró (DEM) ou Marcelo Rangel (PPS), enquanto em Maringá o apoio pode ir para o deputado estadual Dr. Batista (PMN) ou para o secretário estadual de Relações com a Comunidade, Wilson Quinteiro (PSB). No entanto, não está descartada a possibilidade de que o candidato do partido seja o deputado estadual tucano Evandro Junior. Tud Leia mais