25 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
11 Comentários

Olha o nível: Barbosa bate-boca com Cheida e o chama de traidor

via BondNews

O prefeito Barbosa Neto (PDT) não gostou de ser criticado e atacou o deputado estadual Luiz Eduardo Cheida (PMDB) na noite de sexta-feira (24), em sua página oficial do Twitter. O desentendimento começou depois que o deputado criticou a contratação da Fundação Getúlio Vargas (FGV) por parte da prefeitura para fazer um levantamento patrimonial da Sanepar em Londrina. “Quem sabe, com estes R$ 600 mil pagos desnecessariamente pela Prefeitura, a FGV pudesse ensinar gestão atual Administrar a Saúde em Londrina?”, postou Cheida.

Cheida questionou ainda a necessidade do investimento. “$ no esgoto. Prefeito paga 600 mil à  FGV para saver do acervo Sanepar Londrina. Sanepar, concessionária, é obrigada por lei a informar de graça”, explicou o deputado.

Ao ver as postagens, Barbosa Neto se irritou e atacou o deputado. “@deputadocheida Cara de pau, não pagou 13o., nem entregou a chave da cidade pro sucessor, cobrou pelo asfalto, tua mulher à  época teve que abrir a Prefeitura porque o covarde tinha medo de enfrentar os grevistas, “concedeu” 6 hs de jornada e deixou a Prefeitura este estado e vem falar d mim. Lava tua boca com creolina. Entra na justiça contra mim! Quem é vc p/ falar de gestão,traíra.”

Barbosa disse ainda que Cheida foi o pior prefeito da história de Londrina. “Se vc tivesse feito oq fiz: contratar FGV, talvez,Prefeitura não estivesse nesta situação! Cheida, pior prefeito da história.”

Por fim, o prefeito chamou o deputado de ambientalista de meia tigela e incompetente. “à‰ de dar pena ouvir isto a esta hora! Vc acha q o povo se esqueceu de todo mal Leia mais

25 de fevereiro de 2012
por admin
7 Comentários

Debate sobre candidatura própria do PT em Curitiba ganha força na internet

Rosinha e Tadeu dominam debate nas redes sociais.

O tempo anda fechado entre os militantes do Partido dos Trabalhadores na capital paranaense. Conforme observou nesta semana o deputado federal Zeca Dirceu, o partido está dividido em duas alas: os que defendem a aliança com o pedetista Gustavo Fruet e os que preferem a candidatura própria. ... 

Leia mais

25 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
6 Comentários

Governo do Paraná diminuiu investimento em educação em 2011, denuncia APP-Sindicato

via APP-Sindicato
A direção estadual APP-Sindicato denunciou em reunião de planejamento anual, encerrado neste sábado (25), que o governo do Paraná investiu menos em educação em 2011 (30,17%) do que em 2010 (31,79%). Os números absolutos aumentaram, mas não se comparados à  arrecadação, que aumentou 15% (de 14 para R$ 16 bilhões). A lei obriga que se gaste no mínimo 30%. O levantamento foi apresentado pelo economista do DIEESE Cid Cordeiro.

Esses dados são importantes porque um dos grandes empecilhos nas negociações é a alegação de que o estado não possui recursos. Este ano o governo estima que o crescimento seja 6%. Na análise de Cid Cordeiro, este é um valor subestimado e que deve tranquilamente ficar entre 10% e 12%.

O que mais preocupa é a redução nos investimento em educação básica. A APP luta para que 25% se destinem para esse segmento, porém o índice passou de 26,03% para 24,87% no primeiro ano do governo Beto Richa (PSDB). A previsão para 2012, segundo a Lei Orçamentária Anual (LOA), aprovada na Assembleia Legislativa, é que serão investidos apenas 23% neste ano. “O que conquistamos até agora, o governo está paulatinamente diminuindo”, alerta Cid.

O economista estimou o seguinte cálculo: se fosse investido 25% em educação básica, com um crescimento da receita de 12%, isso daria uma diferença de mais de 400 milhões para a educação.

Campanha salarial

Munidos de cálculos e argumentos, a APP se prepara para a campanha salarial. A data-base para o reajuste é em maio. O governo se comprometeu a cumprir com 5,5% da inflação. Porém a APP defende percentual maior.

Para os professores, o cálculo é feito assim: o Piso Salarial Profissional Nacional (PSPN) está firmado em R$ 1.187,97. O MEC, através de portaria ministerial, impõe um reajuste de 22,23% (R$ 1.452,06). No Paraná o piso Leia mais

25 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
5 Comentários

Em Cornélio Procópio, Palácio Iguaçu veta “consórcio” com petistas

O vice João Carlos (PT) e o prefeito Amin (PP). Foto: Cornélio Digital.

As eleições em Cornélio Procópio, no Norte Pioneiro, prometem ser uma das mais movimentadas do Paraná. O prefeito do município Amin Hannouche (PP), aliado do governador Beto Richa (PSDB), pretende apoiar o seu vice, o médico João Carlos Lima (PT), para sucedê-lo. ... 

Leia mais

25 de fevereiro de 2012
por Esmael Morais
9 Comentários

Veja essa: PMDB quer apoio ou neutralidade de Dilma na eleição de Curitiba

João Arruda esteve recentemente com Dilma. Foto: Roberto Rodrigues.O PMDB do Paraná vai encaminhar à  presidenta Dilma Rousseff (PT), um pedido de apoio à  pré-candidatura de Rafael Greca ou sua neutralidade antes e durante a campanha para as eleições de Curitiba.

A solicitação será entregue pelo deputado Henrique Eduardo Alves, líder do PMDB na Câmara Federal, que se reúne com Dilma agora em março, para discutir a composição das alianças dos dois partidos nas eleições municipais de 7 de outubro.

“O Rafael Greca foi cabo eleitoral do Lula e da Dilma nas eleições anteriores. Nós votamos com o Governo e damos sustentação ao mandato da presidente na Câmara e no Congresso Nacional”, informa o deputado federal e secretário-geral do PMDB do Paraná, João Arruda. Leia mais