Hackers invadem site do vice Michel Temer

do G1 Brasília

Fac-símile do site do vice-presidente da República.
A página pessoal do vice-presidente da República, Michel Temer, foi invadida por hackers na tarde desta segunda-feira (23), informou a assessoria de imprensa da Vice-Presidência. A Vice-Presidência disse ainda que pediu ao Gabinete de Segurança Institucional (GSI) uma investigação sobre o ataque.

Desde o ano passado, conforme a assessoria, o site pessoal de Temer (www.micheltemer.com.br) está redirecionado para a página da Vice-Presidência. Por conta disso, não houve prejuízo para o conteúdo.

Na mensagem, o grupo protestou contra a corrupção e contra dois projetos de lei antipirataria que tramitam no Congresso norte-americano – o Pipa (siga para ato para proteção da propriedade intelectual) e o Sopa (Stop Online Piracy Act). Na semana passada, diversos sites ficaram fora do ar em protesto contra o Pipa e o Sopa.

Os hackers postaram a mensagem: Olha o site do Vice-Presidente do Brasil invadido 😀 Somos completamente a favor dos Anonymous e contra PIPA e SOPA! Brasil nao abrace essa ideia…E deixem de serem corruptos! 😉 Greetz: YC – CommandT – g0ph3r – Havittaja – e toda a negaiada H4ck3r da epoca da Brasnet ;D Valeu por ter passado a Box ;).”

A assessoria informou que foi acionada sobre o ataque por volta de 13h30 e, imediatamente, o site foi retirado do ar. Cerca de duas horas depois, perto de 15h30, voltou a funcionar normalmente, sem a mensagem.