Tucanos fazem jantar a R$ 1 mil para arrecadar

da Agência Estado

Na tentativa de angariar recursos para o partido, o PSDB promoveu anteontem um jantar com empresários e sindicalistas em um bufê em Higienópolis, na zona oeste paulistana. O convite do encontro, no qual foi servido menu francês com caviar, salmão, couer de palmier (palmito) e dry martini, custava R$ 1 mil.

No jantar, do qual participaram os pré-candidatos tucanos à  Prefeitura, o governador Geraldo Alckmin disse que o PSDB defendia a bandeira da ética. O ex-governador José Serra afirmou ser favorável a amplo leque de alianças na eleição de 2012.

Serra elogiou o encontro ao dizer que, mesmo custando “R$ 500”, estava mais cheio que em outros anos – havia cerca de 400 pessoas. Corrigido pelo público, disse, em tom de brincadeira, que não havia pago o convite, por isso não sabia o valor do jantar, organizado por Felipe Sigollo, tesoureiro do PSDB estadual.

No dia 22, o PTB-SP também fará jantar a R$ 1 mil o convite.

4 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. E ninguém vomitou durante o jantar? Tanta hipocrisia faz mal pra barriga.

  2. “Geraldo Alckmin disse que o PSDB defendia a bandeira da ética”.

    Essa é a piada do século, com certeza…

  3. Bacana… Duro mesmo é usar dinheiro do Governo atraves das ONGS para encher os cofres desses partidos aliados a esse governo corruPTo que o Brasil vem tendo nesses ultimos 8 anos….. se toca esmael

  4. O jantar foi bom! Teve até a “stand up” do Geraldo, porque dizer que o PSDB defende a bandeira da ética só pode ser piada.