Seguranças da Assembleia usam “máquinas de choque” para reprimir manifestantes

* Manifestantes convocam população para resistir na ocupação

Seguranças da assembleia usaram máquinas de choque. Foto: APP-Sindicato.

Sindicalistas e estudantes ocuparam nesta tarde o plenário da Assembleia Legislativa do Paraná em protesto contra um projeto que cria as Organizações Sociais na Saúde (OSs).

Pelas redes sociais — Facebook e Twitter — os manifestantes estão convocando a população para ajudar na manutenção da ocupação da Assembleia.

O presidente da Casa, Valdir Rossoni (PSDB), pretende votar ainda hoje o polêmico projeto.

A TV Sinal, que é paga com dinheiro público, censurou o protesto cortando imagens e sons do plenário. Trocou a programação para esconder dos parananenses o contraditório. Um desserviço.

Estudantes acusaram a segurança da Casa de usarem “máquinas de choque” para agredi-los.

Comentários encerrados.