Fórum Popular da Saúde assume ocupação da Assembleia do PR

Caiu por terra o argumento de governistas de que a ocupação da Assembleia Legislativa, nesta tarde, seria obra da estudante Amanda Jaqueline Teixeira, assessora do deputado Professor Lemos (PT).

O Fórum Popular de Saúde do Paraná divulgou nesta noite uma nota oficial assumindo a bronca politicamente.

A ocupação do plenário da Assembleia começou à s 16h45 e avança na noite. Os manifestantes protestam contra a privatização da saúde através das Organizações Sociais (OSs).

Leia a íntegra do comunicado oficial do Fórum Popular da Saúde:

Hoje, dia 05 de dezembro, dia do centenário do lutador Carlos Mariguella, nós, estudantes, movimentos sociais, sindicatos, centrais sindicais, movimentos artísticos culturais, e diversas entidades, ocupamos a Assembleia Legislativa do Paraná pela retirada do PL 915 da pauta de votação. E daqui sairemos apenas junto com a retirada do projeto.

Isso porque entendemos que a maneira como o tema foi encaminhado pelo governo do Paraná é totalmente anti-democrática, não respeita os trabalhadores e os usuários dos serviços que serão privatizados com esse PL, entre os quais a Saúde, a cultura, o meio ambiente, entre outros. Não houve qualquer consulta à  população sobre o tema. O projeto mal chegou a esta casa no dia 23 de novembro e já foi colocado na pauta de votação. Os ocupantes aqui presentes representam boa parte da população, que exige uma Audiência Pública sobre o assunto.

Há uma série de movimentos hoje, no Brasil e no mundo, que mostram que a população e os trabalhadores não devem aceitar qualquer proposta que signifique um ataque aos seus direitos. Representamos a vontade de 3400 delegados que na 14 Conferência Nacional de Saúde disseram não à s organizações sociais (OS). Um não! que partiu da população em vários estados do país.

Nosso movimento é legítimo e plural. Nossa resistência é pacífica. Nem um passo atrás, em defesade nossos direitos sempre.

Fórum Popular de Saúde do Paraná – Fops/Pr

Comentários encerrados.