Em protesto pela redução da jornada, servidores da saúde dormem ao relento no PR

Servidores da saúde dormem em frente à SESA. Foto: Mirella Ferreira.

Funcionários da Secretaria de Estado da Saúde (SESA), que lutam pela redução da jornada de trabalho para 30 horas semanais, acharam um jeito inusitado de protestar contra a indiferença do governo Beto Richa (PSDB) para com a reivindicação: resolveram dormir ao relento, na rua da amargura.

Os manifestantes estão acampados na calçada, em frente ao prédio da Secretaria, em Curitiba.

Comentários encerrados.