Educação do Paraná retoma sistema de metas e “otimização” de gastos da Era Jaime Lerner

Charge do blog Rodopiou.com

Para o governo do Paraná, a Educação não passa de um amontoado de frios números. São estatísticas para serem manipuladas pela burocracia estatal sem levar em conta a realidade social e econômica de cada município, de cada escola, de cada aluno, professor e servidor.

O governo do PSDB anunciou nesta sexta-feira (16) que retomará o modelo de metas na Educação que já foi vedete na Era Jaime Lerner (1995!“1999 e 1999!“2003). Os educadores sabem muito bem como foi esse período. Foram os piores anos para a área, quase uma década perdida, que começou ser recuperada somente nos governos Requião e Pessuti.

Segundo Flávio Arns (PSDB), vice-governador e secretário da Educação, as metas e objetivos serão incluídos no contrato de gestão da secretaria, a ser assinado em 2012 por ele e o governador Beto Richa (PSDB).

“Os contratos são documentos que fixam objetivos, formalizam metas de redução de gastos e estabelecem prioridades em cada área da gestão pública. Sua implantação faz parte da estratégia de modernização administrativa”, diz o governo através da Agência Estadual de Notícias.

Queremos o compromisso dos diretores e da comunidade escolar para alcançar as metas propostas. A educação dos nossos alunos deve ser prioridade de todos!, disse o vice-governador, durante uma reunião técnica realizada no Centro Estadual de Educação Profissional Newton Freire Maia, em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba.

Ou seja, a Educação no Paraná passará ser considerada mais uma área de gasto e não estratégica com potencial de receber mais recursos governamentais. A ideia do governo tucano é cortar, otimizar, reduzir gastos, quando se fala nacionalmente em ampliar os investimentos educacionais em até 10% do PIB.

Por trás deste “maravilhoso” sistema de metas e cortes de recursos na Educação está nada mais nada menos o secretário de Planejamento, Cássio Taniguchi, ideólogo de Lerner e Richa.

Caro leitor, não estranhe se surgir no decorrer do próximo ano uma dezena de empresas de consultorias para fazer o controle dessas metas pelos diretores e professores de cada escola — sem licitação, é claro.

Resumo da ópera: o governo do PSDB quer que os diretores sejam os carrascos da comunidade escolar, que o ajude a explicar cortes nos recursos humanos e financeiros e coloquem a cara para bater efetuando na ponta a maldade que não pretende fazer diretamente. à‰ esse o conhecido e manjado roteiro.

13 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Aguardem é só o começo, muitas novidades estão por vir!

  2. É só o começo, educação já era, tudo o que o Requião reconstruiu após a pior era política do Paraná que foi a era Lerner cairá por água abaixo com esse governador de araque Richa, empregou a mulher mais de sessenta mil por mês empregou o filho e professores se lasquem nem 13º para os temporários é desumano isso não é governar é sim vingar-se de um povo e de um estado porque ele odeia tanto o povo do Paraná?

  3. Olá… quero saber n plano de saúde do Estado.. cadê o SAS…

  4. Eu concordo com as metas do Governo Richa, no entanto, queria saber quando a Prefeitura de Curitiba vai criar vergonha e colocdar nossos filhos numa escola descente na Vila Torres. Estamos ocupando um pedaço do Colégio Manoel Ribas que é do estado e um pedaço da PUC. E mais, outras crianças viajam de onibus diariamente para o projeto. É preciso denunciar que a Prefeitura de CuritibA alugou um prédio por milhares de reais próximo ao Paiol e está pagando com o prédio fechado… uma vergonha. A Vila Torres pede socorro. Só porque somos pobres a PMC não olha pra nós…

  5. Eu vi algum professor que se achavam os donos do saber votar e fazer campanha para esse playboy agora irão pagar um preço alto por isso.

  6. Ai ,por favor! As melhoras aconteceram no governo do REQUIAO, nao do Pessuti!
    Colocar Requiao e Pessuti no mesmo saco e muita sacanagem.
    O Pessuti so acabou o governo da pior maneira possivel….

  7. Esmael

    O pessoal da educação tem uma grande parcela de culpa por o richa e o psdbosta ter tomado de assalto o governo do Paraná.
    Nos três anos que faltam para acabar o mandato desse incompetente, temo e muito que o estado ande muito para trás.

  8. Chamem o Lerner de volta. Prá que ficar com um generico placebo(Beto) se o original esta por aí.

  9. METAS DA EDUCAÇÃO DO PNE – PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO.

    – 50% de ESCOLAS EM TEMPO INTEGRAL.

    – INVESTIMENTOS EM EDUCAÇÃO DE 8% do PIB. Como hoje o investimento atinge 5%, implica em aumento real de 60% sobre o que se investe hoje. O necessario deveria ser 10% do PIB.

    – Pra proporcionar ESCOLA EM TEMPO INTEGRAL, Brizola no RJ, investiu 52,5% do orçamento público.

    – Aqui em Curitiba, Orçamento aprovado pra 2012 destina 16,42%, menos de 1/3 do necessario e investido pelo governador do PDT.

    – Acompanhemos os planos do PSDB. Quanto de ESCOLAS EM TEMPO INTEGRAL vao colocar no plano pra 2012, por exemplo.

  10. o taniguchi se especialisou la ,teve um excelente professor o, ex governador arruda!