“Beto Richa confundiu o livro do Plano de Governo com o da Privataria Tucana”, diz sobrinho de Requião

João Arruda. Foto: Marcelo Elias/Gazeta do Povo.

O governador Beto Richa, ou Carlos Alberto (PSDB), confundiu o livro do Plano de Governo registrado em cartório durante a campanha eleitoral com a obra “Privataria Tucana”, lançado na última semana pelo jornalista Amaury Ribeiro Jr.

A avaliação é do deputado federal João Arruda (PMDB-PR), ao ser provocado por um de seus seguidores no twitter, que não gostou de um post do deputado, relativo a reunião de entidades de classe, que pediram ao governador para mudar o modelo de pedágio das rovodias do Paraná.

“Carlos Alberto jogou no lixo aquele livrinho do seu plano de governo 2010”.

“O carlos alberto, depois que tomou posse, confundiu o livro do plano de governo com o da privataria tucana”, disparou o sobrinho do senador Roberto Requião (PMDB-PR).

João Arruda destacou outras ações do governo do “Novo Paraná”, que vão na contramão dos avanços conquistados nos oitos anos de governo do PMDB.

“Posso falar da privatização da saúde, celepar, da PM, tarifaço do Detran e terceirizaçãoo de aeronaves sem licitação”, tuitou.

“Ou se você quiser, posso falar da baderna na educaçãoo e politicagem na liberação de empréstimos da Paraná Cidade”, completou.

Comentários encerrados.