21 de dezembro de 2011
por esmael
32 Comentários

Um descanso para os leitores

Este blog e equipe entrarão em recesso de hoje até o dia 23 de janeiro de 2012.

Fecho a firma hoje, mas reabro daqui um mês. Voltarei mais doce e com o coração amolecido, porém mais firme e com o compromisso de continuar mostrando A política como ela é em tempo real!. Leia mais

20 de dezembro de 2011
por esmael
1 Comentário

Cristina Kirchner passa mal ao saber da morte de um assessor e interrompe reunião do Mercosul

da Agência Brasil

Cristina Fernández de Kirchner. Foto: Marcelo Carroll.

A presidenta da Argentina, Cristina Kirchner, teve que interromper a reunião de cúpula dos chefes de Estado dos países do Mercosul, nesta terça-feira (20), no Uruguai, para ser atendida por médicos. Ela passou mal ao ser informada da morte de um dos principais negociadores da delegação argentina, o subsecretário de Comércio, Ivan Heyn. Leia mais

20 de dezembro de 2011
por esmael
8 Comentários

CPI da Pizza: Derosso é inocente!

Os vereadores que compõem a CPI que investiga os contratos irregulares de publicidade na Câmara Municipal de Curitiba chegaram a um veredicto na tarde desta terça-feira (20): o presidente licenciado João Cláudio Derosso (PSDB) é inocente. à‰ o relatório oficial da comissão.

Depois dessa absolvição, o tucano poderá retomar a presidência da Casa, ser reeleito e continuar fazendo o que sempre fez sem preocupar-se com incômodos legais ou políticos.

Votaram com o relatório oficial inocentando Derosso, além do relator, Denilson Pires (DEM), os vereadores Nely Almeida (PSDB), Emerson Prado (PSDB), Paulo Frote (PSDB), Zezinho do Sabará (PSB) e Zé Maria (PPS).

20 de dezembro de 2011
por esmael
1 Comentário

Sindicatos ameaçam denunciar Copel

por Victor Lopes, via Folha de Londrina

Os Sindicatos dos Eletricitários de Londrina e Maringá pretendem entrar com uma denúncia no Ministério Público da Trabalho contra a Copel nas próximas semanas. O motivo é a centralização do serviço de call center da companhia paranaense em Curitiba, que está acontecendo gradativamente. Situação que estaria gerando uma pressão nos funcionários a pedir transferência para a Capital. Quem não aceitar, a alternativa seria a transferência para outros setores – não necessariamente na mesma cidade – e até, segundo funcionários da estatal, demissão por justa causa. Além dos municípios do Norte do Paraná, existem mais duas regionais no Interior com tal serviço: Maringá e Ponta Grossa. No total, são cerca de 267 trabalhadores nas quatro cidades.

De acordo com Paulo Sérgio Rodrigues, presidente do Sindicato dos Eletricitários de Londrina e Região (Sindel), a centralização dos serviços da Copel iniciará em abril e atingirá os quatro municípios. Ele calcula que em Londrina existam por volta de 30 funcionários na área (sem contar os terceirizados) e que a ação da companhia está acontecendo de forma velada. ”Isso está acontecendo aos poucos, sendo que alguns estão aceitando a transferência com medo de perder o emprego. Pretendemos entrar com a denúncia no Ministério do Trabalho em janeiro. Cada sindicato irá fazer a sua própria denúncia. A empresa tem que explicar o que está acontecendo”, relata.

20 de dezembro de 2011
por esmael
3 Comentários

Em cumprimento de ordem judicial, militares argentinos ocupam sede de empresa do Grupo Clarín

do UOL

Forças de Segurança Militares da Argentina invadiram a sede da Cablevision, empresa de TV a cabo do grupo Clarín, no bairro de Barracas, em Buenos Aires, segundo informações do jornal Clarín.

Na manhã desta terça-feira (20), mais de 50 militares entraram na sede da empresa acompanhados por funcionários do judiciário e por jornalistas de um programa da TV estatal argentina.

Segundo a reportagem, a ocupação foi ordenada pela Justiça de Mendoza, onde a empresa não atua, a pedido da companhia Supercanal, do grupo Vila-Manzano que, segundo o Clarín, é alinhado com o kirchnerismo. O jornal não informa o motivo da ação judicial.

Os militares estão revistando todos que tentam entrar no prédio e buscam documentos da empresa.

A invasão é um dos mais duros golpes do governo no grupo Clarín, que faz oposição à  presidente Cristina Kirchner.

20 de dezembro de 2011
por esmael
3 Comentários

Oposição vai pedir afastamento definitivo de Derosso da presidência da Câmara

via O Estado do Paraná

João Cláudio Derosso (PSDB).

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara Municipal de Curitiba (CMC) que investiga irregularidades na contratação de serviços de publicidade pelo presidente licenciado João Claudio Derosso (PSDB) está reunida na tarde desta terça-feira para apreciação do relatório final. Leia mais

20 de dezembro de 2011
por esmael
4 Comentários

Número de crianças sem-teto subiu 38% nos EUA

via portal Vermelho

O número de crianças sem-teto nos Estados Unidos, que inclui aquelas que viviam em 2010 em uma residência precária (abrigo, automóvel, parque, edifício abandonado) subiu 38% em quatro anos e alcançou a cifra de 1,6 milhão, assegura uma associação especializada.

Segundo o “relatório 2010 sobre os jovens” do Centro Nacional das Famílias Sem-Teto, este flagelo afeta um em cada 45 crianças.

“Como era de se esperar, o risco de que uma criança fique sem lar aumentou com a crise econômica, apesar de o número de moradias ter aumentado em 15 mil unidades durante os últimos quatro anos”, diz o relatório. Uma em cada duas crianças sem-teto do país está em seis estados, entre eles Geórgia, Alabama (sudeste) e Califórnia (sudoeste).

Cerca de 42% destas crianças têm seis anos ou menos, e um terço delas dependem de mães solteiras que sofrem de doenças crônicas. Estas crianças passam fome, não vão à  escola, sofrem com estresse e doenças que comprometem seu futuro, completou o relatório.

Fonte: AFP

20 de dezembro de 2011
por esmael
6 Comentários

Investigação do CNJ sobre patrimônio de juízes é suspensa em nova liminar do STF

da Agência Brasil

Uma nova liminar concedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) voltou a interferir na atuação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O ministro Ricardo Lewandowski decidiu suspender uma investigação em andamento na Corregedoria do CNJ para apurar a evolução patrimonial de juízes. As apurações ficam suspensas até a corregedoria informar como está trabalhando nessa investigação.

Um item do regimento interno do CNJ permite que a corregedoria requisite informações sigilosas de magistrados para apurar possíveis práticas de irregularidades. No entanto, não há mais detalhes sobre como e em que situações essa medida deve ser adotada. Nos casos analisados por Lewandowski, há temor de que a violação de sigilo seja infundada e atinja cônjuges e filhos de juízes.

Essa regra do regimento interno que permite acesso a dados sigilosos também foi questionada ontem (19) pelas três maiores associações nacionais de juízes em uma ação de inconstitucionalidade. No entanto, como esse tipo de ação demora mais para ser julgada, as mesmas entidades decidiram entrar com um mandado de segurança para suspender de imediato as investigações que já estão em andamento.

No mandado de segurança, as entidades alegam que a corregedoria não pode determinar a quebra do sigilo sem autorização prévia do Judiciário. Também argumentam que a investigação da prática de supostos crimes cometidos por magistrados deve ser feita pela polícia, com instrução do Ministério Público.

O relator do caso é o ministro Joaquim Barbosa, mas o processo foi redistribuído para o ministro Lewandowski !“ de acordo com um artigo do regimento interno que determina a alteração em caso de vacância. No período de recesso, o ministro plantonista fica responsável por analisar os casos urgentes. Até o dia 10 de janeiro, essa função é da ministra Cármen Lúcia, e depois o presidente Cezar Peluso assume a atribuição até fevereiro.

Além dessa decisão de Lewandowski a respeito da ação do CNJ, uma liminar do ministro Marco Aurélio Mello suspendeu grande parte das regras contidas em uma resolução que regulamenta a atuação do conselho na investigação de juízes. Para Marco Aurélio, o CNJ só deve atuar depois das correg

20 de dezembro de 2011
por esmael
3 Comentários

Professores e funcionários contratados pelo PSS ainda não receberam o 13!º salário

por Fernanda Trisotto, via Gazeta do Povo

Em agosto, professores saíram ruas para cobrar promessas de campanha.

Os professores e funcionários da rede estadual de ensino contratados pelo Processo Seletivo Simplificado (PSS) ainda não receberam o 13!º salário. Todos os servidores efetivos do estado receberam o benefício na última sexta-feira (16). Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Paraná (APP-Sindicato), a intenção do governo era de realizar o pagamento juntamente com a rescisão de contrato dos profissionais, no dia 28 de dezembro. O sindicato negocia para a antecipação desse pagamento. Leia mais

20 de dezembro de 2011
por esmael
2 Comentários

Dilma diz que meta é levar banda larga para 60% das residências

via Blog do Planalto

O governo federal está trabalhando a todo vapor para levar internet em banda larga a todos os municípios até 2014, informou a presidente Dilma Rousseff na coluna Conversa com a Presidenta, publicada nesta terça-feira (20). Segundo ela, a meta é elevar para 60% o total de casas com acesso rápido à  rede mundial de computadores. Hoje, apenas 27% dos domicílios têm internet.

Com o Programa Nacional de Banda Larga e a participação da Telebras, vamos levar as conexões de internet para áreas mais afastadas, para as cidades do interior do Brasil, incluindo a Amazônia, onde as empresas de telefonia ainda não oferecem o serviço!, afirmou em resposta ao questionamento do agricultor Erno Walter Schmidt, de Navegantes (SC).

Ela explicou ainda que o governo já reduziu à  metade o preço médio das assinaturas, que antes era de R$ 70 e agora está em R$ 35, para uma velocidade de um megabit por segundo. Além disso, a Anatel fará um novo leilão para permitir que todas as áreas rurais do Brasil contem com serviços de telefonia e conexão à  internet.

A presidente Dilma também esclareceu ao agente educacional Gilberto Ribas da Silva, morador de Marechal Cândido Rondon (PR), que, para obter financiamento da casa própria na Caixa Econômica, o cliente não precisa comprar seguros, adquirir cartão de crédito, fazer investimentos ou abrir caderneta de poupança. Caso essa orientação seja descumprida, o fato deve ser comunicado ao Serviço de Atendimento ao Cliente pelo telefone 0800 726 0101 ou ser levado à  Ouvidoria da Caixa, no telefone 0800 725 7474.

Embora a Caixa tenha todo interesse em vender seus produtos e serviços, a decisão de comprar é sempre uma opção do cliente!, explicou a presidente.

Segundo ela, a Caixa é e continuará sendo o principal instrumento do governo para viabilizar o acesso à  moradia. Somente na segunda fase do Minha Casa Minha Vida, ser

20 de dezembro de 2011
por esmael
Comentários desativados em Comissão Especial da Câmara deve votar hoje Lei Geral da Copa

Comissão Especial da Câmara deve votar hoje Lei Geral da Copa

da Agência Brasil

O substitutivo do deputado Vicente Cândido (PT-SP), relator da Lei Geral da Copa, deverá ser votado nesta terça-feira (21) à  tarde pela Comissão Especial da Câmara que analisa o projeto. Ele disciplina dispositivos sobre a realização no Brasil da Copa do Mundo de Futebol de 2014. A reunião para a votação da matéria está marcada para as 14h30.

A proposta faz parte das garantias oferecidas pelo governo brasileiro à  Federação Internacional de Futebol (Fifa) para a realização da Copa das Confederações de 2013 e da Copa do Mundo de Futebol de 2014. Entre os pontos considerados mais polêmicos está a liberação da venda e do consumo de bebidas alcoólicas nos estádios durante os jogos.

Inicialmente, o relator havia proposto uma modificação no Estatuto do Torcedor para a liberação de bebida em qualquer jogo de futebol no país. No entanto, ele manteve em seu parecer a liberação apenas para os jogos das copas das Confederações e do Mundo. Mesmo assim, deve haver disputa sobre o dispositivo na hora da votação.

20 de dezembro de 2011
por esmael
6 Comentários

Afinados contra! SP, Beto e Aécio defendem prévias entre tucanos

por Sandro Moser, via Gazeta do Povo

O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), e o senador mineiro Aécio Neves (PSDB) aproveitaram uma cerimônia ontem em Curitiba para deixar claro que estão desde já do mesmo lado na campanha de 2014. De um lado, criticaram a administração petista de Dilma Rousseff. De outro, afirmaram que querem prévias no partido, mostrando que devem tentar tirar poder da ala paulista do PSDB.

O discurso dos dois tucanos ocorreu durante cerimônia no Palácio Iguaçu para entrega da condecoração da Ordem Estadual do Pinheiro, a mais alta do estado. Aécio, junto com 45 outras personalidades, foi homenageado por Richa. A lista incluiu quatro ex-governadores, músicos co!­!­mo Chitãozinho e Xororó e esportistas como Giba.

Nenhum representante do PSDB paulista recebeu a honraria. Questionado sobre a razão de Aécio ter sido escolhido, o governador paranaense desconversou e disse que se tratava só de uma homenagem.

O senador mineiro discursou como orador oficial do evento e criticou o governo federal. O senador disse que o PSDB tem a oportunidade de prestar um favor ao PT! nas próximas eleições presidenciais. à‰ importante o Brasil ter um partido de massas. E quem sabe nós vamos permitir que o PT faça um estágio na oposição a partir de 2014, até para que ele possa reencontrar-se com seus valores e com as ideias que ele abdicou ou esqueceu depois que chegou ao governo!, afirmou.

Richa defendeu as prévias como modelo de escolha do candidato do partido. A tese é defendida dentro do PSDB há anos por Aécio, que esperava ser candidato a presidente já em 2010, mas acabou perdendo a vaga para José Serra, que foi indicado pela cúpula da legenda.

[O sistema de prévias] é um caminho que deve ser debatido para fortalecer a democracia interna do partido!, disse Beto. Já o senador mineiro exaltou a participação da juventude tucana na defesa do modelo. As prévias são um instrumento de mobilização que estimula o partido, permite o debate!, d

20 de dezembro de 2011
por esmael
6 Comentários

Câmara de Londrina reajusta salário em 110%

por Paula Barbosa Ocanha, via Folha de Londrina

Vereadores da Câmara de Londrina aprovaram na sessão extraordinária de ontem um aumento de 109,7% nos próprios salários para a próxima legislatura, fazendo o subsídio pular de R$ 5.724,00 para R$ 12.000,00. O projeto de lei, criado à s pressas e despachado para a sessão extraordinária de ontem, foi aprovado na forma de um substitutivo que também contempla o prefeito, vice-prefeito e secretários municipais.

A proposta foi aprovada com 15 votos a favor, três contrários e uma abstenção. O projeto volta para a pauta na sessão de hoje, a última do ano, para um segundo turno de votação. Os vereadores reclamam que seus salários não recebiam reajustes há 12 anos. No início da tarde, os vereadores ficaram uma hora e meia reunidos na sala da presidência debatendo o assunto, mas durante toda a tarde fugiram da imprensa para não comentarem o valor dos reajustes.

A matéria, de autoria da Mesa Executiva da Câmara, presidida por Gerson Araújo (PSDB), recebeu assinatura de 14 parlamentares. Somente Lenir de Assis (PT), Roberto Fú (PDT), também membro da Mesa, Marcelo Belinati (PP), Jacks Dias (PT) e Sandra Graça (PP) não assinaram a proposta. Mesmo assim, no momento da votação do projeto, Sandra Graça e Jacks Dias votaram favoráveis à  matéria. Os outros três votaram contra e Eloir Valença (PT) se absteve.

Atualmente, o salário bruto dos parlamentares é de R$ 5.724,00 – sendo que o presidente da Casa ganha mais, R$ 7.632,00. O valor máximo do salário dos vereadores pode ser de R$ 15.300,00, considerando que o salário pode chegar a 75% do salário dos deputados estaduais, atualmente fixado em R$ 20.040,00. O reajuste ficou fixado em 60%. O salário dos vereadores só pode começar a ser pago na próxima legislatura, em 2013, já que os vereadores não podem legislar em causa própria. Já o prefeito Barbosa Neto (PDT), o vice e os secretários já começam a receber em janeiro de 2012. ”Não sabíamos direito quanto seria o valor, por isso não passamos a informação para a imprensa. Estamos fazendo tudo com transparência e achamos melhor aprovar antes do final do ano. Estamos com salários há muito tempo defasados”, defendeu o presidente da Câmara, Gerson Araújo (PSDB).

Sobre o projeto ter sido protocolado na madrugada e aprovado em uma sessão extraordinária, o presidente alegou que não tinha a intenção de fazer nada e