Veja o vídeo: “Eu não entendo de futebol”, diz Petraglia

A possibilidade de queda do Clube Atlético Paranaense (CAP) para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro é bastante real. O time rubro-negro respira com ajuda de aparelhos. Vai ao Atletiba no próximo domingo (4) dependendo de resultados de terceiros, mesmo que vença o clássico.

Pois bem. O fraco desempenho em campo repercute na eleição da direção do CAP prevista para o próximo dia 15 de dezembro. O comandado do Clube é disputado por Diogo Braz, da chapa Paixão pelo Furacão, e Mario Celso Petraglia, da chapa CapGigante.

Os desafetos de Petraglia divulgaram nesta segunda-feira (28) um vídeo em que ele admite numa reunião do Conselho Deliberativo, ocorrida no dia 31 de maio deste ano, que não entende de futebol.

“Não me proponho a estar aqui trabalhando porque não é o meu metier. Eu não entendo de futebol e não tenho motivação. A minha motivação foi pra isso. Pra fazer patrimônio pra esse clube ser grande”, disse Petraglia, quando discorria sobre a obra na Arena da Baixada visando a Copa de 2014.

“à‰ esse que pretende ser o salvador do nosso Atlético?”, sapecou Diogo Braz, que concorre à  presidência do Conselho Administrativo.

Paralelamente à  divulgação do vídeo em que Petraglia diz que não entende de futebol, àŠnio Fornéa, que disputa a presidência do Conselho Deliberativo, busca desvincular-se da atual direção do CAP.

Em entrevista à  CNT na noite de ontem, Fornéa disse que voltou ao Atlético a convite de Mario Celso Petraglia, que teria pedido sua ajuda, mas que logo saiu porque não concordava com a gestão de Marcos Malucelli — o atual presidente do Clube.

“O que me levou a sair foi exatamente por não concordar absolutamente com a maneira como o futebol vinha sendo tratado. Eu não tenho vínculo político com ninguém, nem com Petraglia nem com Malucelli. Meu vínculo é com o Atlético”, esquivou-se na entrevista.

A campanha eleitoral no Clube Atlético Paranaense, a última mais importante deste ano no estado, tende a recrudescer a partir da semana que vem. A chapa liderada por Fornéa e Braz acusa o adversário de torcer pelo “quanto pior é melhor” do time para “tomar de assalto” a direção do Atlético.

“Quem não entende de futebol poderá salvar o Atlético?”, perguntam os membros da Paixão pelo Furacão.

Como se vê, a eleição dos atleticanos será mais animada e emocionante que a disputa pelo governo do Paraná ocorrida em 2010. Aperte o cinto, caro leitor.

4 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. O Metralha se juntou a uns idiotas e ignorantes, o elias maluco, o pedro boiola, o anao de circo, o careca quebrado e quer q esses sujeitos participem da gestao gigante do cap, vao procurar o caminhao que cairam.

  2. Realmente, nós sabemos que ele nao entende de futebol pois sempre fez times pífios quando estava no cargo, as grandes conquistas nao foram com ele no comando do futebol, o queremos longe da bola, e se Deus quiser dia 15 ele terá uma derrota memorável. FORA PETRÁGLIA.

  3. se ele não tem motivação, vai botar quem pra cuidar do futebol? o Doático???? Tá de brincadeira!!!

  4. Tem razão Esmael, a disputa está parecendo até eleição da política partidária.
    Em 15/12 estaremos lá, parte da família, meus amigos e eu para votar. Pensamento pra frente! Pensamento grande! O Mário Celso Petraglia será o vencedor. Vamos lá CAPGIGANTE!