Tarifaço tucano de 500% é aprovado na Assembleia Legislativa do Paraná

via G1 PR

Os deputados da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) aprovaram em primeira discussão nesta segunda-feira (7), em sessão extraordinária, o projeto de lei que reajusta as taxas cobradas pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Foram 38 votos favoráveis ao projeto, sete contra e uma abstenção. A votação é fechada.

A discussão do projeto deve ocorrer nesta terça-feira (8). O texto do projeto de lei deve sofrer alterações, porque o líder do governo na Alep, deputado Ademar Traiano (PSDB), vai redigir uma emenda para corrigir os percentuais de reajuste que, segundo o governo, foram digitados errado.

O trâmite do projeto na Assembleia foi rápido. Ele chegou à  Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) na terça-feira (1!ª), mas não foi avaliado porque os deputados Tadeu Veneri (PT) e Nereu Moura (PMDB) pediram vistas do projeto. Nesta segunda-feira, o projeto foi reapresentado na CCJ. O único deputado que votou contra a aprovação foi Tadeu Veneri.

Durante a tarde, Ademar Traiano conseguiu mobilizar os parlamentares da Comissão de Finanças e da Comissão de Segurança para adquirir o aval necessário para que a matéria fosse encaminhada ao plenário, onde foi aprovado.

Se aprovado na segunda discussão, o projeto entra em vigor em 90 dias após publicação em Diário Oficial e o Detran tem 180 para se adaptar as mudanças.

Comentários encerrados.