Por Esmael Morais

Sarney diz que estatização de fundação foi ‘prova de amor’ ao Maranhão

Publicado em 25/11/2011

Uma lei sancionada no mês passado pela governadora Roseana Sarney (PMDB), filha do senador, criou uma nova fundação pública –a Fundação da Memória Republicana Brasileira.

Esta nova fundação irá receber o acervo da Fundação José Sarney, que está sem recursos e será extinta. Entre os bens que serão transferidos está a sede da fundação, um prédio do século 17, em São Luís, doado à  fundação pelo Estado do Maranhão.

A OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) no Maranhão decidiu questionar na Justiça a lei que, na prática, “estatiza” a Fundação José Sarney.

A lei sancionada coloca o senador e ex-presidente como patrono da nova fundação, com o direito de indicar dois de seus 11 conselheiros. Após sua morte, o direito é transferido para seus herdeiros.