Polícia de Nova Iorque usa tratores para despejar ocupação de Wall Street; veja os vídeos

via Aporrea, tradução Blog do Esmael

A polícia de Nova Iorque iniciou na madrugada desta quarta uma operação ordenada pela prefeitura para desalojar centenas de ocupantes da Praça Zuccotti, que permaneciam acampadas como parte de seu protesto contra o sistema financeiro que vigora nos Estados Unidos.

A partir de 1 hora local, a polícia entrou na também Praça da Liberdade (Liberty Square) para evacuar os manifestantes que por mais de dois meses usam a região como sede do movimento que se estendeu à s cidades mais importantes do país e outras do mundo.

A ordem do prefeito Michael Bloomberg foi retirar os manifestantes porque aumenta a insalubridade e pelos riscos de incêndio.

Um oficial parou frente aos manifestantes e leu um aviso: “A cidade determinou que a ocupação de Zuccotti Park representa um aumento de risco à  saúde, de incêndio e de segurança”, pelo que se ordena a retirada “imediata da propriedade privada”.

A praça será “limpada e restaurada”, anunciou o oficial e ameaçou prender se algum manifestante interferisse na operação, que será temporário, segundo a prefeitura.

Os oficiais entregaram folhetos aos manifestantes no qual lhes diziam que podem regressar à  manifestação na praça, mas com prévia autorização e sem montar acampamentos.

Uma transmissão ao vivo por streaming mostrava os tratores trazidos pela polícia recolhendo grandes quantidades de materiais e vários oficiais perseguindo aqueles que protestavam e tentavam voltar à  praça.

Os manifestantes gritavam palavras de ordem: “Todos os dias durante toda a semana Ocupar Wall Street” e “o mundo inteiro está observando”.

A ordem do prefeito foi emitida depois da onda de reclamações de empresas e comércios da zona exigindo o despejo total dos manifestantes, já que faz dois meses e pela temporada natalina que se aproxima — quando aumenta o consumo.

Comentários encerrados.