Eleição no Atlético: Petraglia pode jogar a toalha

Marcus Coelho, presidente Campeão Brasileiro de 2001, entre Diogo e àŠnio.

Nos bastidores da disputa pelo comando do Clube Atlético Paranaense (CAP), cuja eleição será no dia 15 de dezembro, especula-se que Mario Celso Petraglia recue do confronto nas urnas.

Os primeiros sinais de que o ex-presidente do Rubro-Negro vá jogar a toalha teriam sido emitidos ainda na última quinta-feira (10), após o lançamento da chapa Paixão pelo Furacão! liderada pelos candidatos Diogo Fadel Braz (Conselho Administrativo) e àŠnio Fornéa (Conselho Deliberativo).

A tropa de àŠnio e Diogo impressionou pela quantidade de sócios e ex-dirigentes que conseguiu reunir no evento de quinta. Cerca de 300 pessoas acompanharam o lançamento da chapa durante concorrida coletiva de imprensa.

Há expectativa de que Petraglia abra mão da disputa direta e indique dois nomes para fazer o bate-chapa no mês que vem, pois, segundo os bastidores, ele estaria mais interessado em continuar à  frente da Sociedade de Propósito Específico (SPE), empresa criada para o gerenciamento das obras da Arena, com vistas à  Copa do Mundo de 2014.

A desistência de Petraglia do pleito, se confirmada, tem relação com o discurso de Diogo na coletiva:

O Mario Celso [Petraglia] está conduzindo a SPE, ele não pode querer administrar o clube, o Conselho Deliberativo e a SPE. Isso é um retrocesso, há um conflito de interesses!, disparou.

No que depender de nós, não faremos nada para prejudicar, muito pelo contrário. Se eleitos, tudo que pudermos fazer para ajudar a viabilizar a obra no menor prazo possível, nós o faremos. Agora, não faremos loucuras!, completou àŠnio.

Some-se à  crítica ao projeto de Petraglia para se tornar no todo-poderoso do Atlético, avalia-se que o ex-presidente está isolado politicamente.

A chapa comandada por àŠnio e Diogo conquistou quase a unanimidade de apoios de ex-presidentes consagrados, como Ademir Adur, Walmor Zimmermann, João Augusto Fleury da Rocha, Marcus Coelho (presidente campeão em 2001) e Guivan Bueno.

Na próxima semana, outros nomes de peso deverão anunciar apoio à  chapa Paixão pelo Furacão! — o que deixará mais distante ainda o sonho de Petraglia concentrar o poder no Atlético.

8 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Chega de boatos! Petraglia vai ser presidente SIM”¦ o Atlético precisa ser GIGANTE! O Atlético não é para os apaixonados, mas sim para os competentes e profissionais! Não queremos mais aMMadores no CAP!

  2. O Petraglia já desmentiu esse boato, Esmael você pisou na bola, confiou em quem não deveria, veja no link abaixo o pronunciamento de Petraglia, ele continua candidato…e forte na sua convicção em ser o Presidente do Atlético

    http://observatoriocap.wordpress.com/2011/11/14/serei-candidato-a-presidencia-do-atletico-paranaense-por-petraglia/

    Abraços
    Marco Aurélio

  3. Concordo com o Sr. Elias. Se existiu uma gestão mais destrutiva em nosso CAP, a mesma foi formada por essa gente, que agora fala em paixão. Pergunto: Paixão pelo o que? Uma paixão que queria entregar nossa patrimônio e receitas a OAS? Uma paixão que trouxe 70 jogadores?

    Essa paixão é paixão da inveja destrutiva, que dominou o CAP nestes últimos 3 anos. Fiquei indignado quando li, esses dias atrás neste mesmo blog, que o pai da Arena era o Enio Fornea. Penso, que o Esmael rasgou nossa história, ou não conheceu a mesma! Uma noticia tendenciosa e montada a serviço desta gentalha, que nada fez por nossa Instituição CAP!

    Por que o Enio, Valmor, Adur, Coelho, Fadel, Yara, Guivan e outros não fizeram tudo isso antes de 1995? Por que não fizeram nestes últimos 3 anos? Eles que estavam lá e o resultado que verificamos é esse “morro” mal explicado de ações que estão nos levando a segundona.

    Para finalizar, mostro meu repúdio naqueles que defendem essa “corja” que nada criou e somente destruiu.

  4. Esmael, nessa você pisou na bola, e pisou feio. Mentiram pra você, e quem fez isso não é seu amigo.

    A Chapa formada por EniOAS, “Fadel-se tudo” e MMalucelli se definiu como destruidora de mitos. Por essa definição, literalmente, eles são mitômanos. Nunca vi pessoas tão especializadas em propagar mentiras na imprensa.

    Vou preparar um material para que você divulgue em seu blog, ou eu começarei a pensar que você seja igual aos demais jornalistas mal intencionados da nossa aldeia.

    É público e notório que esses cidadãos que aí estão estampados nessa foto, “plantaram” na sua boa fé uma bela mentira. Dizem-se especialistas em derrubar mito.

    No dia 05 de dezembro eles derrubarão mais um mito: “time grande não cai”.

    A especialidade deles na mentira é notória, que agem como crianças. Um diz que é oposição. O outro diz que pode vir a ser oposição. Aí vem o chefe da mitomania e atual presidente, Marcos Malucelli, e diz que “é bobagem dizer que não é situação”.

    Enio e Fadel tratam Marcos Malucelli como a sociedade tratava os portadores de lepra na idade média. Fogem do MM como Drácula fugia do alho.

    Esmael, prepararei um material para lhe enviar, só para que você tenha noção de como vai a nossa campanha.

    Aliás, vai maravilhosamente bem, e para desespero deles, o Petraglia será o futuro presidente para concluir sua obra, obra que esses que aí estão, fizeram de tudo para destruir.

    A Chapa da situação formada por Marcos Malucelli, Enio Fornea e Diego Fadel é o sonho de consumo de todos os coxas.

    Abração, amigo, e em se tratando eleições do CAP procure-me, conheço muito bem esse assunto, ou melhor, procure o Petraglia, ele poderá lhe informar melhor. Posso viabilizar esse encontro.

    Elias Cordeiro

  5. o petraglia quer cuidar da copa só, ta nem ai pro time

  6. Isso nao ‘e novidade, todo mundo sabe que o real interesse do petraglia ‘e a obra, que ‘e onde realmente vai entrar grana, nao ta nem ai para o time, q se dane, eu sou coxa mesmo.

  7. o que é tolha?