Derosso obtém uma vitória e uma derrota na Justiça

O presidente licenciado da Câmara Municipal de Curitiba, vereador João Cláudio Derosso (PSDB), vai depor daqui a pouco na CPI que o investiga sobre irregularidades em contratos de publicidade, a partir das 18h30, com uma vitória e uma derrota no front judicial.

A vitória consiste na negativa de o judiciário afastá-lo do cargo (porque ele o fez por conta própria) e de indisponibilizar seus bens.

A derrota tem a ver com a negativa de sigilo judicial nos processos que correm contra o tucano.

Ambas as decisões foram do juiz Jaílton Juan Carlos Tontini, da 1.!ª Vara da Fazenda de Curitiba.

1 Comentário

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. A decisão deste ‘juíz’ é imprecionante. Veja a diferença, o Custódio por milésimos a menos está em cana e com todos os bens indisponiveis, mas um se chama SILVA, já o DEROSSO e o FROTE tem outra ‘linhagem’ de elite, se fosse o Denilson PIRES já tava, como já foi PRESO. ESSA É A NOSSA JUSTIÇA, ‘TONTINI’?