Carente, bancada estadual do PMDB foi a Beto Richa discutir a ‘relação’

Na calada da noite de ontem, a bancada estadual do PMDB atravessou a Praça Nossa Senhora do Salete, no Centro Cívico, para ir ao encontro do governador Beto Richa (PSDB).

A distância que percorreram foi curta, pois apenas uns 300 metros separam a Assembleia Legislativa do Palácio das Araucárias. No entanto, grande era a carência afetiva dos peemedebistas que foram discutir com o tucano a “relação” e tentar ganhar um “cafuné” extra.

Dentre os temas discutidos, claro, muita reclamação contra a dupla Valdir Rossoni (presidente da Assembleia) e Ademar Traiano (líder do governo na Assembleia). Teve quem pedisse alguns caraminguás em obras, afinal a oportunidade faz a ocasião…

A bancada estadual do PMDB sentou-se oficialmente no colo de Beto Richa em agosto último, durante jantar na casa do deputado Caíto Quintana. Na época, rolou até um hino da traição à  Carta de Puebla e do acasalamento! — puxado pelo deputado Jonas Guimarães (veja o vídeo).

4 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Já votei em Deputados do PMDB, nesses 52 anos de vida , inclusive tenho um grande arrependimento de ter votado nessa rapariga do Nereu Moura que agora me envergonha por ser tão traira aos principios que sempre dizia defender dentro do PMDB, dessa catrefa nenhum vai ganhar o meu voto o único que ainda tem credibilidade e a minha confiança é o Anibelinho os outros deviam ter vergonha e não usar mais a sigla PMDB para se elegerem.

  2. DEles o único que se salva é o dep. Anibelinho, o resto é um bando de vendilhão e interesseiro. Tipo esse dep. Stephanes Jr, porque não vaza de vez pro PSDB?

  3. Ta certo o Beto, canalhas e traidores devem ser tratados como canalhas e traidores . . .

  4. Situação ridicula do PMDB.