28 de novembro de 2011
por esmael
3 Comentários

Centrais e movimentos sociais realizam amanhã ato contra juros

da Folha.com

As centrais sindicais e os movimentos sociais vão realizar nesta terça-feira (29), à s 10h, um ato em frente ao Banco Central, em São Paulo, reivindicando a queda na taxa básica de juros, que hoje está em 11,5%.

O protesto ocorre no mesmo dia em que membros do Copom (Comitê de Política Monetária) se reúnem para decidir sobre a manutenção ou mudança na Selic.

“Precisamos aumentar a produção, o consumo e o nível de emprego no País. Baixar os juros significa um passo nessa direção”, disse Paulo Pereira da Silva, o Paulinho (PDT-SP), presidente da Força Sindical.

28 de novembro de 2011
por esmael
1 Comentário

Promotoria encaminha denúncia contra Kassab para área criminal

da Agência Brasil

O Ministério Público Estadual (MPE) de São Paulo, que acusa o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, de improbidade administrativa por fraudes no serviço de inspeção veicular do município, pode investigar as irregularidades também na área criminal. Os promotores de Justiça Roberto de Almeida Costa e Marcelo Daneluzzi, que acusam o prefeito na área cível, encaminharam denúncias contra Kassab à  Câmara Especializada em Crimes Praticados por Prefeito, ligada à  Procuradoria-Geral do MP.

Além de Kassab, 22 réus, incluindo o secretário de Verde e Meio Ambiente, Eduardo Jorge, respondem à  acusação de improbidade administrativa. Sexta-feira (25), uma liminar da 11!ª Vara da Fazenda Pública determinou, além do bloqueio dos bens do prefeito, a realização de nova licitação para escolha da empresa reponsável pela inspeção veicular na cidade. A prefeitura já recorreu.

O que existe é uma divergência. A prefeitura entende que o contrato é correto e o Ministério Público entende que não é correto. E não chegamos a um acordo. Portanto, somos uma democracia, caberá ao Judiciário arbitrar!, disse hoje (28) o prefeito após a cerimônia de assinatura de convênio com o governo do estado, que prevê o repasse de R$ 40 milhões para a construção de 22 unidades de educação infantil.

28 de novembro de 2011
por esmael
5 Comentários

Para Veneri, projeto das OSs é “privatização disfarçada”

O governo deve respeitar o cidadão paranaense e não enviar à  Assembleia propostas que alteram consubstancialmente a estrutura do estado a duas semanas do final do período legislativo. O governador que, durante a campanha eleitoral negou a privatização e terceirização do serviço público, vem tentando aprovar sorrateiramente estas mesmas propostas. Não podemos aceitar!, discursou nesta segunda-feira (28) o deputado estadual Tadeu Veneri (PT), ao criticar a pressa da liderança do governo em colocar em votação o projeto n!º 915, que autoriza o governo a transferir serviços públicos a Organizações Sociais.

O projeto já está na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Na reunião extraordinária desta segunda-feira, 28, o relator, deputado Hermas Brandão Junior (PSB), pediu mais tempo para apresentar o parecer, mas a bancada governista quer votar a proposta em plenário ainda esta semana.

Várias entidades do movimento social e sindical definiram um calendário de lutas contra a aprovação desta lei. Representantes do Movimento estiveram nesta segunda-feira, 28, acompanhando a reunião da CCJ. Os coordenadores do Fórum, Heitor Raimundo e Marlei Fernandes, estão conversando com as lideranças dos partidos para tentar adiar a entrada do projeto em plenário.

O projeto foi encaminhado na quarta-feira passada à  Assembleia Legislativa e, apesar da extensão e profundidade da proposta, o governo pretende aprovar a toque de caixa, sem discutir a sociedade, lembrou o deputado Tadeu Veneri, integrante da CCJ.

O governo deve respeitar o cidadão paranaense e não enviar à  Assembleia propostas que alteram consubstancialmente a estrutura do estado a duas semanas do final do período legislativo. O governador que, durante a campanha eleitoral negou a privatização e terceirização do serviço público, vem tentando aprovar sorrateiramente estas mesmas propostas. Não podemos aceitar!, disse Veneri.

Em Curitiba existem duas organizações sociais: o Instituto Curitiba de Informática e o Instituto Curitiba de Arte e Cultura. Não foram criadas OSs para assumir saúde e educação, pois quando foi aprovada a lei de Curitiba, a bancada do PT,

28 de novembro de 2011
por esmael
1 Comentário

Voto de ministro fica pronto e permite a STF voltar a julgar ficha limpa

Do G1, em Brasília

O voto do ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa sobre a aplicação da Lei da Ficha Limpa nas eleições de 2012 está pronto, segundo apurou a repórter do G1. Desde o início do mês, o julgamento da ficha limpa no STF está suspenso devido a um pedido de vista do ministro.

Depois que o sistema eletrônico interno do STF acusar a liberação do voto de Barbosa, estará atendida a condição técnica para a retomada do julgamento, o que acontecerá quando a presidência voltar a relacionar o caso na pauta do tribunal.

A suspensão do julgamento ocorreu em sessão no início deste mês, quando Barbosa pediu vista de três ações que buscam esclarecer os efeitos da lei na eleição do ano que vem. Até aquele momento, somente o relator do processo, ministro Luiz Fux havia votado !“ a favor dos pontos da lei que garantem sua aplicação em 2012.

28 de novembro de 2011
por esmael
Comentários desativados em O Brasil que o tucano José Serra não conhece é destaque na revista americana

O Brasil que o tucano José Serra não conhece é destaque na revista americana

por Helena Sthephanowitz, via blog Os Amigos do Presidente Lula

Eu gostaria de chamar atenção dos meus queridos leitores para duas notícias, ou, duas análises sobre o Brasil.

Primeiro, do ex-governador de SP, José Serra (PSDB): Brasil ainda é um país pequeno. O Brasil ainda é, no contexto da economia mundial, por incrível que pareça, um país pequeno”, disse o tucano durante palestra no á jovens empreendedores, na Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo).

A segunda análise é da reportagem da revista americana “The New Yorker” que circula na edição do dia 5 de dezembro. A análise partirá, principalmente, do momento econômico positivo que o Brasil passa, em comparação à  economia mundial: O país era antes um dos mais ignorantes e de economia instável e hoje vive um momento de crescimento, baixo endividamento, equilíbrio orçamentário e emprego pleno!.

28 de novembro de 2011
por esmael
5 Comentários

Ratinho nega intenção de vender emissoras de TV

O empresário e apresentador Carlos Massa, o Ratinho, divulgou nota de esclarecimento nesta tarde negando que esteja vendendo as suas emissoras de televisão, que compõem a Rede Massa — afiliada ao SBT no Paraná.

Ratinho disse que a notícia veiculada no final de semana pela revista Veja, na coluna de Lauro Jardim, não tem fundamento algum.

A seguir, leia a íntegra da nota de esclarecimento de Ratinho:

A Rede Massa, afiliada ao SBT no Paraná, vem a público esclarecer que a informação veiculada na Revista Veja dessa semana, na coluna do jornalista Lauro Jardim, sobre a provável venda das suas emissoras, não tem fundamento. Desconhecemos a origem de tal especulação.

O empresário Carlos Massa, o Ratinho, jamais cogitou vender suas emissoras e, ao contrário, no momento, amplia os investimentos das suas operações. Tanto que está prevista a inauguração da quinta emissora do Grupo no primeiro semestre de 2012, bem como a ampliação da Massa FM, que já se consolidou como a maior Rede de Rádio FM do Paraná.

As negociações da Rede Massa são pautadas pela ética profissional e comunicadas ao mercado somente depois de definidas e concluídas.

Rede Massa

28 de novembro de 2011
por esmael
Comentários desativados em Aldo Rebelo diz que Lei Geral da Copa deve ser votada ainda este ano na Câmara

Aldo Rebelo diz que Lei Geral da Copa deve ser votada ainda este ano na Câmara

da Agência Brasil

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, disse hoje (28) que a Lei Geral da Copa de 2014 deverá ser votada até o final deste ano, na Câmara dos Deputados. Ele participou hoje, no Rio de Janeiro, da abertura do Soccerex 2011, uma das maiores feiras de negócio do futebol mundial.

A previsão é que [a lei] seja votada pela Câmara neste ano. Mesmo que o Senado só vote, no próximo ano, já teremos uma referência, um marco legal, que vai orientar as posições do governo e dos organizadores!, disse Rebelo.

Entre as questões que a lei deverá abordar estão a concessão da meia-entrada nos jogos da Copa para idosos e estudantes e a venda de cerveja dentro dos estádios. Essas propostas não são vistas como questões delicadas! pelo ministro. Há uma boa vontade tanto da parte do governo quanto da parte da [Federação Internacional de Futebol] Fifa e do Congresso Nacional, em administrar e encontrar uma solução adequada para todas as diferenças.!

O ministro também disse que enviará à  Casa Civil da Presidência da República, nos próximos dias, o texto do projeto que cria o Departamento Antidoping no Ministério do Esporte. Segundo Aldo Rebelo, o envio da proposta à  Casa Civil já foi autorizado pela presidenta da República, Dilma Rousseff.

Perguntado sobre a possível nomeação do ex-jogador Ronaldo Nazário (o Fenômeno) para presidir o Comitê Organizador Local da Copa 2014, o ministro também disse que o governo federal continuará colaborando com o comitê, independentemente das mudanças que possam ser feitas na direção do órgão.

O governo não pode nem deve interferir ou fazer apreciação dos indicados para ocupar essa função. Nossa relação até agora com o senhor Ricardo Tei

28 de novembro de 2011
por esmael
Comentários desativados em Dr. Rosinha e João Arruda entre os políticos que mais usam a internet

Dr. Rosinha e João Arruda entre os políticos que mais usam a internet

* Alvaro Dias é quem mais tuita: uma vez a cada 5 minutos

Clique na imagem para ampliar.

Os deputados federais paranaenses Dr. Rosinha (PT) e João Arruda (PMDB) estão entre os que mais utilizam as redes sociais para se comunicar com os respectivos eleitores. A informação é da revista à‰poca, que divulgou nesta semana um estudo da agência de mídia Medialogue sobre “como os políticos usam a internet”. Leia mais

28 de novembro de 2011
por esmael
5 Comentários

PT anuncia que vai pedir cassação de Bolsonaro

via portal Vermelho

O líder do PT na Câmara, deputado Paulo Teixeira (SP), anunciou que o partido vai enviar representação ao Conselho de à‰tica e Decoro Parlamentar da Câmara para pedir a cassação do deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ). O pedido baseia-se nas declarações preconceituosas feitas pelo deputado no plenário da Câmara na quinta-feira (24), quando atacou a presidenta Dilma Rousseff por causa das políticas federais contra a homofobia.

à‰ um caso grave e merece a análise da Casa para a cassação do mandato. Ele é reincidente!, disse o líder.

O presidente nacional do PT, Rui Falcão, também repudiou a nova manifestação preconceituosa, discriminatória e homofóbica de Bolsonaro. Em nota, ele diz que Bolsonaro agiu com total desrespeito à  pessoa da presidenta Dilma Rousseff!.

O PT reafirma com orgulho suas bandeiras históricas contra qualquer tipo de discriminação e preconceito. Esta deve ser uma luta permanente de toda a sociedade que se queira democrática, tolerante e que respeite as diferenças, como, aliás, é da tradição cultural brasileira!, diz ainda a nota.

O deputado Marcon (PT-RS) pediu para que a fala de Bolsonaro fosse retirada do site da Casa, o que aconteceu. O deputado é reincidente na quebra de decoro parlamentar. Está passando da hora de a Câmara adotar providências, dando um basta a essas agressões que não condizem com o processo civilizatório, com o papel de um parlamentar e tampouco com a democracia!, disse Marcon.

O deputado Fernando Ferro (PT-PE) observou que a atitude de Bolsonaro no plenário, a fazer insinuações contra a presidenta Dilma Rousseff, constitui violação à  conduta ética e parlamentar. Bolsonaro, conforme lembrou Ferro, já foi alvo de outras ações por suas manifestações de intolerância a pessoas, grupos sociais e inst

28 de novembro de 2011
por esmael
Comentários desativados em De olho em 2014, PMDB teme avanço do PSB

De olho em 2014, PMDB teme avanço do PSB

Vice-presidente Michel Temer (PMDB) e o governador Eduardo Campos (PSB).

A cúpula nacional do PMDB, liderada pelo vice-presidente da República Michel Temer, observa com atenção e preocupação o crescimento do PSB do governador pernambucano Eduardo Campos. Leia mais

28 de novembro de 2011
por esmael
6 Comentários

Vem aí o PSV, o novo PPS verde e “limpinho”

Deputado federal Rubens Bueno (PPS). Foto: Nani Gois.

O Partido Popular Socialista (PPS), oriundo do PCB, cogita mudar de nome. A ideia é agregar o verde. Ele teria o nome trocado para PSV (Partido Socialista Verde). A discussão corre nos preparativos do 17!º Congresso Nacional da legenda, marcado para os dias 9, 10 e 11 de dezembro, em São Paulo. Leia mais

28 de novembro de 2011
por esmael
4 Comentários

Sob pressão, cúpula do ICI deve ir à  Câmara para se explicar

por Ivan Santos, Jornal do Estado

As dúvidas sobre os negócios da prefeitura com o Instituto Curitiba de Informática (ICI) podem levar pela primeira vez integrantes da direção da OS (Organização Social) ao plenário da Câmara Municipal. Sobre pressão diante dos questionamentos da imprensa, da oposição, e agora também do Ministério Público, a liderança do prefeito Luciano Ducci (PSB) já admite a convocação de representantes da cúpula da entidade, para tentar explicar os contratos de mais de R$ 585 milhões firmados sem licitação somente este ano pela atual administração, conforme revelado por reportagem do Jornal do Estado publicada em 23 de outubro último. A revelação motivou a abertura de uma investigação preliminar pelo MP, e uma série de pedidos de informações da bancada oposicionista.

O líder da oposição, vereador Algaci Tulio (PMDB), afirma que a possibilidade da ida de diretores do ICI à  Casa não muda a sua disposição de cobrar oficialmente informações sobre os contratos da prefeitura com a entidade. Amanhã ele pretende reapresentar requerimento cuja votação já vem sendo adiada há três semanas, por conta de manobras da base de situação.

Vou manter o pedido!, afirma ele, explicando que o líder da bancada de apoio à  prefeitura, vereador João do Suco (PSDB), confirmou a intenção de levar até à  Casa representantes do ICI para tentar acabar com a polêmica.

O instituto é presidido por Renato José de Almeida Rodrigues. O conselho de Administração da entidade tem também representantes do Executivo municipal, como a secretária de Administração, Dinorah Nogara; o secretário de Governo, Luiz Fernando Jamur; a procuradora-geral Claudine Camargo Bettes; e o secretário Municipal de Finanças, João Luiz Marcon.

O primeiro pedido de informações da oposição, votado no dia 24 de outubro, com base nas primeiras reportagens do JE, foi derrubado por 15 votos a sete, por orientação da liderança da bancada governista. A alegação foi de que o ICI é uma Organização Social sem fins lucrativos de caráter privado, e não um órgão estatal, e por isso, não teria obrigação de prestar informações ao Legislativo.

No último dia 7, o líder oposicionista apresentou novo pedido, já com base em novas informações publicadas pelo JE, apontando que a prefeitura gasta mais com os serviços de informática do que com habitação e segurança, e que a verba destinada ao instituto também é superior ao orçamento de órgãos como a Fundação de Ação Social (FAS), o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc) e maioria das secretarias municipais. Na ocasião, os vereadores da base de apoio ao prefeito esvaziara

28 de novembro de 2011
por esmael
2 Comentários

E-mail e celular estendem jornada de trabalho para casa e até as férias

* Tecnologia eleva número de horas trabalhadas; brasileiro também passa mais tempo no escritório

* Expansão da economia e promoções ajudam a explicar aumento da carga horária, aponta pesquisa

da Folha de S. Paulo

“Eu olho e-mail em casa, andando na rua, no restaurante. Parece que o trabalho não me deixa.” A declaração da publicitária Júlia Eboli, coordenadora de marketing da Tecla Internet, mostra a realidade de um contingente cada vez maior de profissionais.

A combinação entre crescimento mais intenso da economia e avanço nas tecnologias de comunicação tem resultado em aumento das horas trabalhadas no Brasil.

Sete em cada dez profissionais -que ocupam cargos como analista, gerente e supervisor- afirmam que passam mais tempo no escritório hoje do que há cinco anos.

Mais da metade diz que o teto da carga horária no escritório saltou de oito para dez horas diárias, e quase 80% são acionados nos momentos de lazer e descanso via mensagens no celular.

Nem as férias escapam: mais de 50% dos funcionários de empresas que atuam no país respondem a e-mails de trabalho nesse período.